PUBLICIDADE

Terremoto em Taiwan: saiba o que estudar sobre o fenômeno

Terremoto atingiu Taiwan hoje. Epicentro foi na cidade de Hualien. Maior terremoto em 25 anos causou morte de pessoas e deixou mais de 900 feridos.

3 abr 2024 - 14h36
(atualizado às 21h26)
Compartilhar
Exibir comentários

Um terremoto atingiu Taiwan hoje, 3 de abril. O epicentro foi na cidade de Hualien. Considerado o maior terremoto em 25 anos, fenômeno matou nove pessoas, deixou mais de 900 feridos* e, ainda, há vários desaparecidos.

Conforme autoridades de Taiwan, o terremoto é considerado como "Upper 6", ou o segundo nível mais alto de intensidade em uma escala que varia de 1 a 7.

O terreomoto em Hualien teve magnitude 7,2 na escola Richter e profundidade de 15,5 km (9,6 milhas). O resultado, além das vítimas, foram prédios desabados e inclinados, deslizamentos de terra e fortes tremores que ocasionaram o fechamento do metrê.

Um alerta de tsunami para o sul do Japão e as Filipinas chegou a ser feito, mas, depois, foi tirado do ar.

*A matéria está em atualização

O que é um terremoto?

Segundo este artigo, os terremotos são fenômenos naturais oriundos das pressões internas do planeta, que fazem as placas tectônicas se movimentarem, liberando tais pressões. Com isso, a superfície sente essa liberação em forma de tremor, o que pode acarretar sérios prejuízos.

Para medir a intensidade dos terremotos, os geólogos usam os sismógrafos, aparelhos capazes de medir com precisão os falhamentos geológicos, o que contribui para a identificação de áreas propensas à ocorrência de abalos sísmicos.

Espalhados pelo mundo todo, os sismógrafos são capazes de analisar três tipos de movimentos do solo: horizontal norte-sul; horizontal leste-oeste e vertical cima-baixo.

Sismógrafo sendo utilizado na medição de um abalo sísmico.
Sismógrafo sendo utilizado na medição de um abalo sísmico.
Foto: Brasil Escola

Causas de um terremoto

Duas são as causas principais de um terremoto, conforme este artigo sobre o tema da Geografia Física.

  • Grande pressão de rochas que vem do interior do planeta.

  • Falhas geológicas presentes nas zonas de contato entre as placas tectônicas

Consequências de um terremoto

As consequências dos terremotos, para o ser humano, podem ser severas, acarretando a destruição de cidades e paisagens naturais, além de provocar sérias catástrofes, a exemplo do desastre ocorrido na Usina Nuclear de Fukushima, no Japão.

Veja abaixo as principais consequências de um terremoto:

  • Casas e prédios destruídos

  • Pontes com estruturas comprometidas

  • Vítimas fatais e/ou presas sob os escombros

  • Incêndios causados por quedas de fiação elétrica

  • Rompimento de represas

  • Inundações causadas por tsunamis

Videoaula sobre terremoto

*Com informações da Agência Brasil

Crédito da imagem:

[1] Yorkfoto de Getty Images Signature/Canva

Por Silvia Tancredi

Jornalista

Brasil Escola
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade