0

É necessário ter um seguro viagem para destinos internacionais?

14 set 2018
11h43
atualizado às 13h02
  • separator
  • comentários

Os destinos internacionais têm conquistado cada vez mais o viajante brasileiro. Estados Unidos e Europa são opções certeiras daqueles que planejam uma próxima viagem. Isso faz com que o setor represente um número expressivo - segundo o Banco Central, as viagens internacionais corresponderam a R$ 59 bilhões no ano passado.

Foto: DINO / DINO

Com expectativas altas e empolgação, as exigências do próximo destino podem acabar ficando para última hora, mas isso não é o ideal. Antes de efetivar a compra das próximas férias dos sonhos, é preciso checar tudo o que é preciso para evitar complicações no momento de entrada em outro país, levando em consideração que não existe uma regra única. Cada local possui suas particularidades, o que pode significar uma grande divergência entre um local e outro.

"Para embarcar para os Estados Unidos, por exemplo, é necessário estar com visto e passaporte em dia. No embarque para Europa é diferente. Embora o visto não seja necessário, são pedidos alguns documentos específicos", aconselha Jung Park, sócio da NeoCâmbio (www.neocambio.io).

A Europa é um destino corriqueiro, mas o que muitos não sabem é que o desembarque por lá possui singularidades. Os especialistas da NeoCâmbio listaram os principais e mais diferenciados itens:

Passagem de volta

Para poder entrar na Europa, é preciso ter uma passagem de volta emitida e datada. Este é um item que costuma ser conferido. Tê-lo em mãos é importante.

Comprovante de hospedagem

O viajante precisa comprovar que possui um lugar para se abrigar durante a estadia na Europa. Este é outro item que passa por conferência corriqueiramente. Quando o viajante vai para a casa de algum conhecido, é necessário levar uma Carta Convite. Ela pode ser feita por qualquer morador legal e seus modelos são facilmente encontrados na internet. É preciso conferir se ela precisa ser registrada por algum órgão do país.

"É interessante manter itens que costumam ser solicitados na bagagem de mão, assim a passagem pelo aeroporto é mais rápida e tranquila", diz Park.

Seguro viagem

O Seguro Viagem é obrigatório em todos os países da Europa, pois fazem parte do Acordo de Schengen. Para entrada no país, é preciso que o Seguro tenha cobertura mínima de € 30.000. O Seguro cobre todos os imprevistos que podem acontecer durante a viagem: acidentes, medicamentos e até mesmo voos cancelados ou bagagens extraviadas.

Mesmo quando não é obrigatório, o Seguro de viagem é indispensável. Muitos países não possuem atendimento público de saúde, por exemplo, e estar prevenido diante dessas situações significa uma contenção de gastos, além de proporcionar uma viagem mais tranquila. Os seguros de viagem são acessíveis e adquiri-los é um passo importante do planejamento da viagem.

Saiba mais

A NeoCâmbio, que nasceu em 2016, foi fundada pelos sócios Jung Park e Marcelo Avila. Além do Seguro Viagem, a empresa também oferece cartões pré-pagos e compra de outras moedas. Todos os serviços possuem disponibilidade para serem feitos online, de maneira simples e intuitiva.

O site foi desenvolvido para exibir as melhores oportunidades, garantindo a economia e segurança para seus clientes. A NeoCâmbio realiza entregas em todo o território nacional, sem custo. Com busca em tempo real, é possível encontrar preços até 15% abaixo da média de mercado para a moeda. Saiba mais: http://neocambio.io/.



Website: http://www.neocambio.io
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade