PUBLICIDADE

Arquiteta fala sobre a integração de ambientes na arquitetura comercial

Saiba mais sobre a integração entre ambientes na arquitetura comercial.

27 jul 2017 16h18
ver comentários
Publicidade

A integração entre ambientes tem se popularizado e ganhado destaque até na arquitetura comercial. Afinal, para superar a crise, muitos comerciantes estão buscando formas de se destacar e têm encontrado nos ambientes integrados uma boa saída para chamar atenção dos consumidores.

Foto: DINO

A arquiteta Marina Debasa, especialista em arquitetura comercial e sócia do escritório Arquitetude, no Rio de Janeiro, explica que a integração de ambientes na arquitetura comercial é um pouco diferente do que acontece na arquitetura residencial.

"Fazer a integração de ambientes comerciais na arquitetura não é muito diferente do que fazemos em uma residência. A ideia geral é a de melhorar a comunicação entre os espaços. Mas, se em uma casa fazemos isso para facilitar a rotina de uma família, para a loja a integração funciona mais no sentido de fazer com que diferentes espaços comerciais agreguem valor aos produtos e funcionem juntos e em harmonia".

Neste sentido, ela lembra da profusão de livrarias com cafés que tem se popularizado por todo o mundo. "Este é um ótimo exemplo de dois comércios que conversam entre si e funcionam muito bem. E a integração de ambientes na arquitetura comercial vem da necessidade contemporânea de economia de tempo e espaço".

A arquiteta conta que, cada vez mais, procuramos por locais em que possamos resolver vários problemas de uma só vez, no menor tempo possível. "Ninguém mais tem condições de ir a vários lugares para resolver pequenos problemas, pois se deslocar pela cidade é algo caótico. E quando descobrimos um único local em que podemos fazer várias coisas, logo nos tornamos clientes".

Marina lembra que, mesmo que muitos comerciantes estejam vendo nesta estratégia uma forma de superar a crise, é importante pensar bem no que tal integração significa. "Um projeto como este é muito mais do simplesmente colocar uma loja dentro da outra. É importante saber o que o cliente deseja e espera antes de investir numa integração".

Ela finaliza lembrando que mudanças que não são bem pensadas podem trazer mais prejuízo do que lucro para uma loja. "A integração de ambientes comerciais precisa ser bem planejada, inclusive através de um novo projeto de arquitetura, para funcionar corretamente. Esse tipo de conceito de loja integrada é algo que agrada muito diferentes públicos, mas realmente é algo extremamente importante e que precisa de uma concepção personalizada".

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Publicidade
Publicidade