0

Rússia estuda enviar turistas à Estação Espacial Internacional em nave Soyuz

21 mai 2017
08h10
  • separator
  • comentários

A Rússia estuda a possibilidade de enviar dois turistas à Estação Espacial Internacional (EEI) em uma nave Soyuz, afirmou neste domingo Yevgeni Mikrin, diretor-geral da corporação Energia, fabricante russa de foguetes e veículos espaciais.

"Estamos trabalhando para ter a possibilidade em 2019 de enviar dois participantes de um voo comercial com um comandante e reduzir a três horas o tempo de voo até o acoplamento (com a EEI)", disse Mikrin à agência de notícias russa "Interfax".

Entre 2001 e 2009, a Rússia enviou à plataforma orbital sete turistas espaciais, que desembolsaram dezenas de milhões de dólares para viver a experiência.

O primeiro a comprar uma viagem para ver a Terra da Estação Espacial Internacional foi o americano Dennis Tito, e o último foi o canadense Guy Laliberté, fundador do Cirque du Soleil",

A cantora britânica Sarah Brightman tinha planejado viajar à plataforma orbital em 1º de setembro de 2015, mas interrompeu os treinamentos e desistiu do voo argumentando "motivos familiares".

Mikrin afirmou que o reatamento dos voos de particulares à EEI permitirá a captação de dezenas e centenas de milhões para financiar programas espaciais.

O diretor-geral da Energia também informou que a corporação trabalha na fabricação de uma nova nave tripulada, a "Federatsia" (Federação), que poderá levar quatro cosmonautas à plataforma orbital.

"Parte desses lugares pode ser oferecida a clientes particulares. A propósito, a maioria deles se ofende quando é chamada de 'turista", revelou.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade