0

STJ adia julgamento de Flávio Bolsonaro sobre 'rachadinhas'

A Corte ainda não definiu nova data para que a solicitação seja apreciada pela Quinta Turma.

15 set 2020
13h00
atualizado às 14h16
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) adiou o julgamento, previsto para esta terça-feira 15, de um pedido da defesa do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) para suspender a investigação do Ministério Público do Rio de Janeiro envolvendo um esquema de "rachadinhas" (devolução de parte do salário de assessores) no gabinete do parlamentar na Assembleia Legislativa fluminense.

O então deputado Flávio Bolsonaro com seu assessor Fabrício Queiroz
O então deputado Flávio Bolsonaro com seu assessor Fabrício Queiroz
Foto: Reprodução / Estadão Conteúdo

A Corte ainda não definiu nova data para que a solicitação seja apreciada pela Quinta Turma.

Veja também:

Eldorado Expresso: PF encontra dinheiro na cueca de vice-líder do governo Bolsonaro
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade