0

"Vender droga não dá dinheiro", diz idosa presa por tráfico

"Esse negócio de vender droga não serve pra nada, porque se desse dinheiro eu já estava com um advogado aqui", afirmou a mulher de 68 anos

6 nov 2014
16h16
atualizado às 16h31
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>Aposentada justificou a atividade criminosa como uma opção pela falta de emprego</p>
Aposentada justificou a atividade criminosa como uma opção pela falta de emprego
Foto: Márcio Azevedo / Especial para Terra

Nem os 68 anos de idade, três filhos e quatro netos impediram que a idosa Waldeisa Serrão da Silva entrasse para o mundo do crime. Na madrugada desta quinta-feira ela foi presa com quase 1,5kg de drogas escondidas na casa onde mora, no bairro de Petrópolis, na zona centro-sul de Manaus.

Na delegacia, a aposentada justificou a atividade criminosa como uma opção pela falta de emprego. "Quem é que vai dar emprego a uma velha como eu?", questionou Serrão. Segundo a presa, há três meses um vizinho dela lhe ofereceu a droga pra vender e ela aceitou. "Eu só tinha o trabalho de bolar a droga e passar para os meninos", disse a aposentada reclamando da atividade que se meteu. "Esse negócio de vender droga não serve pra nada, porque se desse dinheiro eu já estava com um advogado aqui. O dinheiro que eu ganhava mal dava pra comprar comida".

Waldeisa foi presa por volta das 2h30 da madrugada de hoje no beco São Vicente. Policiais Militares da Força Tática foram ao local após denúncia aos Disk Denúncia 181. "Ao chegarmos na casa sentimos um forte odor de pasta base vindo da casa. Ao fazemos a busca encontramos a droga escondida em vários locais da casa", explicou o tenente Renato Bentes.

<p>A idosa foi autuado em flagrante por tráfico de drogas</p>
A idosa foi autuado em flagrante por tráfico de drogas
Foto: Márcio Azevedo / Especial para Terra

Na casa da aposentada ainda foi encontrado celulares que, segundo a polícia,  provavelmente são furtados e trocados na boca de fumo da idosa. A quantia de R$ 823 e uma balança de precisão também foram apreendidas. A idosa foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

Antes de ser recolhida ao xadrez do 3 Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi autuada em flagrante, Waldeisa praticamente implorou para a notícia não ser dada aos filho. "Não é por vergonha,  é porque eles nao vão poder fazer nada", finalizou.

Veja também:

Homem é detido pela PM após furtar casa no Bairro Esmeralda
Fonte: Especial para Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade