PUBLICIDADE

Cidades

Moradores de comunidade no Rio relatam confrontos entre traficantes e milicianos

Grupos rivais trocaram tiros durante a madrugada por controle de comunidade

6 nov 2023 - 09h52
(atualizado às 12h45)
Compartilhar
Exibir comentários
Moradores vivem noite de terror com confronto entre traficantes e milicianos no RJ:

Moradores da comunidade de Muzema, no Itanhangá, Zona Oeste do Rio de Janeiro, viveram uma madrugada de terror nesta segunda-feira, 6, com confronto entre traficantes e milicianos, tiroteio e ruas desertas.

Segundo informações da TV Globo no Rio, a troca de tiros aconteceu entre a milícia e membros da facção criminosa Comando Vermelho, na tentativa dos milicianos expulsarem os traficantes para assumir o controle da comunidade novamente.

Em nota enviada ao Terra, a Secretaria de Estado de Polícia Militar informou que, na madrugada desta segunda-feira, policiais militares do 31° BPM (Recreio dos Bandeirantes) foram acionados para uma ocorrência de disparos de arma de fogo, na comunidade da Muzema, no Itanhangá, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Tiroteio na Muzema assustou moradores nesta madrugada, no Rio de Janeiro
Tiroteio na Muzema assustou moradores nesta madrugada, no Rio de Janeiro
Foto: Reprodução/X

De acordo com o comando da unidade, informações preliminares apontam que o local era cenário de um confronto entre grupos criminosos rivais. Após a chegada da guarnição, os criminosos fugiram acessando a área de mata. O policiamento foi reforçado na região. Até o momento, não há registro de feridos na ação.

Nas redes sociais, moradores compartilharam vídeos que mostram o som dos tiros, e é possível ver as rajadas das balas perdidas.

A comunidade da Muzema fica entre as comunidades Rio das Pedras e Tijuquinha. No local, a disputa entre milicianos e traficantes é antiga, pelo controle das favelas. Essas comunidades já foram alvo de intervenções da Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, na tentativa de cessar os confrontos.

Nesta segunda-feira, 6, uma operação está sendo realizada na região de Santa Cruz, após um miliciano, Alan Ribeiro Soares, conhecido como Nanan, ter sido morto baleado após um confronto com uma quadrilha.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade