PUBLICIDADE

Atirador esportivo é encontrado amarrado ao carro e afirma que teve armas roubadas

Caso ocorreu em Goiânia e é investigado pela Polícia Civil

26 fev 2024 - 17h43
(atualizado às 23h32)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Um atirador esportivo afirmou ter sido rendido e amarrado por criminosos na zona rural de Santo Antônio de Goiás, em Goiânia, o que está sob investigação da Polícia Civil.
Atirador esportivo é encontrado amarrado ao carro e afirma que teve armas roubadas
Atirador esportivo é encontrado amarrado ao carro e afirma que teve armas roubadas
Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Um atirador esportivo afirmou ter sido rendido e amarrado por criminosos na zona rural de Santo Antônio de Goiás, em Goiânia (GO), no último sábado, 24. Um vídeo divulgado pela TV Anhanguera, afiliada à Rede Globo na região, mostra o homem amarrado ao volante do carro. O caso é investigado pela Polícia Civil.

Segundo a emissora, a Polícia Militar atendeu a ocorrência. O homem, que não teve sua identidade revelada, afirmou que foi abordado por criminosos armados que estariam atrás de uma árvore. Segundo ele, o roubo ocorreu quando ele dirigia em uma estrada de terra. Os suspeitos teriam fugido a pé. 

À TV Anhanguera, testemunhas afirmaram que o homem, identificado como um membro do grupo de Colecionadores, Atiradores Desportivos e Caçadores (CAC), havia saído de um centro de treinamento de tiro na localidade.

Ele teve um revólver calibre 357, uma pistola calibre 380 e um rifle calibre 22 roubados. Nas imagens, o atirador esportivo aparece preso por algemas de plástico. Posteriormente, ele recebeu auxílio de moradores locais, que usaram um alicate para libertá-lo.

Em nota enviada ao Terra, a Polícia Civil de Goiás informa que o caso está sendo investigado como crime de roubo pela Delegacia de Santo Antônio de Goiás. "Como ainda há muitas circunstâncias a serem esclarecidas, a delegada se pronunciará somente ao fim da investigação", informou a corporação.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade