PUBLICIDADE

Leite determina investigação sobre prisão de homem negro pela PM

Ação contra o rapaz que seria vítima de tentativa de homicídio foi gravada por pessoas que testemunharam a cena. O agressor, um homem branco, batia papo com os agentes

17 fev 2024 - 19h52
(atualizado às 21h28)
Compartilhar
Exibir comentários

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, determinou abertura de investigação de sindicância. A decisão de Leite se deu após as imagens de uma abordagem contra um homem negro realizada pela Brigada Militar, na manhã deste sábado (17), viralizarem. 

Após ser vítima de tentativa de homicídio, homem negro chama a polícia e acaba preso
Após ser vítima de tentativa de homicídio, homem negro chama a polícia e acaba preso
Foto: Reprodução / Perfil Brasil

Nas redes sociais, o governador disse que confia na Brigada Militar. Disse, ainda, que em respeito "aos dedicados profissionais que as integram", a investigação será célere e rigorosa.

Homem negro preso pela Brigada Militar

Após ser vítima de tentativa de homicídio, o rapaz negro chama a polícia. O autor seria um homem branco. A vítima diz aos policiais da Brigada Militar que ele tentou dar golpes de faca em seu pescoço. Porém, é possível ver no vídeo que em nenhum momento os policiais abordam o agressor. Toda a ação policial é contra a vítima. Ele é algemado e colocado em uma viatura. testemunhas gravaram a ação da PM e muitos afirmam que houve, de fato, racismo na ação da Brigada Militar do RS.

Quem assistiu à abordagem afirma que viu as pessoas gritando em defesa da vítima. O rapaz negro que os PMs estavam encurralando foi quem, de fato, pediu ajuda. Porém, testemunhas afirmam à imprensa local que os gritos foram em vão.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Perfil.com Brasil (@perfilcombrasil)

O caso gerou indignação na web:

Perfil Brasil
Compartilhar
Publicidade
Publicidade