PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Santos encara sequência de jogos fora de casa, e Lisca busca "encorajar" jogadores

6 ago 2022 - 09h48
Ver comentários
Publicidade

Depois de empatar com o Fluminense na última segunda-feira, o Santos se prepara para uma sequência de dois jogos como visitante no Campeonato Brasileiro. Para tentar sair desta série com bons resultados, porém, o Peixe deve ter trabalho.

Isso porque o Alvinegro Praiano vem encontrando muita dificuldade quando joga como visitante. Ao longa da temporada, foram 23 partidas, com oito derrotas, 11 empates e somente quatro derrotas, além de 21 gols pró e 26 contra.

Considerando apenas jogos do Campeonato Brasileiro, são nove embates, com um triunfo, cinco igualdades e três reveses. O único êxito foi contra o Juventude, por 2 a 1, no dia 14 de junho. Desde então, são dois empates e uma derrota.

Agora, portanto, o Santos terá dois jogos em sequência para melhorar esses números. O primeiro desafio é nesta segunda-feira, às 20 horas (de Brasília), contra o Coritiba, no Couto Pereira, pela 21ª rodada do torneio. Já no dia 14, a equipe viaja até Belo Horizonte para encarar o América-MG.

Recém-contratado, o técnico Lisca comentou sobre a missão de tentar voltar para a Vila Belmiro com bons resultados. Segundo ele, é preciso encorajar os jogadores.

"Senti o time receoso em Fortaleza, depois de dificuldade no Paulistão, eliminação na Copa do Brasil e na Sul-Americana contra time de menor expressão. A derrota para o Corinthians pesou demais. Meu trabalho é resgatar essa unidade. Senti eles recuados em Fortaleza, não foi o que eu pedi. Queremos os três pontos, quero encorajar eles e esquecer o que passou. Podemos mexer no presente e no futuro", disse após o empate com o Fluminense.

"Espero pontuar fora de casa porque precisamos disso para ficar entre os oito para Libertadores ou pré-Libertadores. Nossa supremacia na América está grande, então podem aparecer oito vagas novamente", completou.

No momento, o Santos está na nona colocação do Campeonato Brasileiro, com 27 pontos, seis a menos que o Internacional, que está em sexto, abrindo a zona de classificação para a Libertadores.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade