0

Peres cita procura por "jogador de alto nível" para suprir carência no elenco do Santos

18 nov 2019
12h05
atualizado às 12h05
  • separator
  • 0
  • comentários

O presidente do Santos, José Carlos Peres, vê o meio-campo como principal carência a ser resolvida para a próxima temporada.

Peres fala sobre carência no elenco do Santos (Ivan Storti/SFC)
Peres fala sobre carência no elenco do Santos (Ivan Storti/SFC)
Foto: Gazeta Esportiva

O Peixe não encontrou um substituto à altura de Jean Lucas, hoje no Lyon (FRA), e viu Cueva não corresponder. O meio é o setor com maior número de trocas por rodadas sob o comando de Jorge.

"Tudo está calçado numa saída, duas ou três. Se conseguirmos negociar alguns jogadores, com certeza traremos um, dois nomes ou até mais. Está bem claro que precisamos de meio-campo forte, jogador de alto nível. Mas se teremos condições de contratar esse alto nível, não sei. É a grande carência hoje", disse Peres, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

Uma das estratégias do Peixe é contratar jogadores por empréstimo. E o argumento é a visibilidade dada para Gabigol, Dodô e Jorge, trio em baixa na Europa e com futebol recuperado na Vila Belmiro, além do próprio Jean Lucas, com pouco espaço no Flamengo no início do ano.

Essa é uma possibilidade a ser conversada com Sampaoli sobre o planejamento da próxima temporada. O técnico só ficará se sentir a capacidade do elenco para ser campeão.

"Tive um adiantamento com a postura do Santos pelo diretor esportivo e de finanças. Apresentaram muita dificuldade para 2020. Não falo com o presidente há cinco meses, falo mais com Autuori. Se conjunto tem que ser reforçado pela realidade esportiva, mas é preciso vender por causa da realidade econômica, projeto 2020 será diferente do que pensamos. Não tenho claro se há alguma estratégia para buscar possibilidade se isso mudar. Se não mudar e temos que diminuir o elenco e buscarmos títulos, é enganar a torcida", disse Sampaoli, em entrevista coletiva.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade