PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Meu time

Carille, do Santos, comenta sobre bom aproveitamento em clássicos: "O técnico trabalha menos"

9 set 2021 16h02
| atualizado às 16h02
ver comentários
Publicidade

Apresentado pelo Santos nesta quinta-feira, o técnico Fábio Carille comentou sobre o bom aproveitamento em clássicos na carreira.

O treinador comemorou os números, mas explicou que o trabalho diminui na preparação para esse tipo de jogo.

"Nos grandes jogos o técnico menos trabalha. A pressão começa no porteiro do apartamento. São jogos que chamam a atenção da mídia, do torcedor e de todos. Trabalhamos mais nos jogos com menos mobilização. Resultados em clássicos são ótimos, foram 10 na Arábia Saudita com cinco vitórias e cinco empates. No Corinthians também. Mas valem três pontos cada jogo. A preparação será forte independentemente do adversário", disse Carille.

No Brasil, Carille disputou 33 clássicos, com 17 vitórias, 10 empates e seis derrotas. Um rendimento de 61,6% dos pontos.

No Ittihad, Carille jogou 10 clássicos e venceu cinco, além de cinco empates. A invencibilidade rendeu 66,6% dos pontos disputados.

O curioso é que o pior aproveitamento em clássicos foi justamente pelo Corinthians contra o Santos: três vitórias, quatro empates e três derrotas (43,3%), inferior aos 61,9% do São Paulo e 81,4% diante do Palmeiras.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade