0

Palmeiras e Corinthians juntos pelo verde da Amazônia

Timão se colocou contra o desmatamento e o rival, que tem o apelido de Verdão, também pediu providências contra as queimadas da Floresta

23 ago 2019
23h15
atualizado às 23h22
  • separator
  • 0
  • comentários

Há uma luz no do fim do túnel. Há esperança quando dois clubes rivais se unem para defender o ar que respiramos, o meio ambiente e a vida de nossos filhos, netos e quem mais chegar. Corinthians e Palmeiras usaram as redes sociais para despertar a consciência de quem ainda não se deu conta da grave situação na Floresta Amazônica. Sim é preciso ir além do futebol e do verde dos gramados quando o assunto é tão grave e traz repercussão mundial.

Foto: Larissa Rodrigues / BBC News Brasil

O Corinthians saiu na frente, publicando um vídeo em que mostra um pedaço da silhueta do mapa do Brasil, que faz parte do escudo da equipe, em chamas. No post no Instagram, o símbolo do clube aparece inteiramente em preto e branco. A postagem atraiu mais de 500 mil curtidas. Já o Palmeiras usou o twitter nesta sexta-feira e foi ainda mais direto ao escrever: "clamamos àqueles com poder para interceder na situação que cumpram com o seu papel."

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

#RezePelaAmazônia #PrayForAmazonia

Uma publicação compartilhada por Corinthians (@corinthians) em

Os dois clubes merecem aplausos. O Palmeiras negou um viés político, mas cobrou providências em nome de um bem maior. O atual presidente Bolsonaro mostrou depois da eleição ser torcedor do Palmeiras e já foi duas vezes ao estádio do Verdão. Ele primeiro minimizou o estrago, depois culpou as ONGs sem apresentar provas, até finalmente tomar a atitude de convocar o Exército pra tentar apagar o incêndio dentro e fora da Floresta. 

Antes tarde do que nunca e que as fiscalizações agora sejam mais rigorosas para apagar a impressão do vale tudo que se espalhou entre os exploradores de uma das maiores riquezas mundiais.

Veja também:

 

Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade