1 evento ao vivo

Rafael Silva assume liderança entre os pesados antes do Mundial

29 jul 2013
17h41

O judoca Rafael Silva é mais um brasileiro a representar o país no topo do ranking mundial de sua categoria. O atleta que disputa provas como peso pesado, ultrapassou o francês Teddy Riner, na atualização da classificação da Federação Internacional de Judô (FIJ), nesta segunda-feira. A mudança antecede o Mundial de judô, que será realizado no Rio de Janeiro.

"O ranking mostra que venho fazendo um bom trabalho, mas não mostra muito além disso. O que vai realmente fazer valer o trabalho é o Mundial. Estou focado em lutar bem no Mundial, que é o objetivo do ano. Quero executar o que tenho treinado que dessa forma o resultado virá", afirmou Rafael, que agora tem 1740 pontos contra 1650 do francês.

O Baby, como é conhecido Rafael Silva, ocupa a lista de líderes do ranking com mais quatro brasileiros: Mayra Aguiar, Maria Suelen Altheman, Victor Penalber e Sarah Menezes. Além das lideradas por brasileiros, o Brasil terá cabeças-de-chave em outras seis categorias no Mundial.

"O mais importante para nós da comissão técnica é ter conseguido evoluir em relação aos Jogos de Londres com uma categoria a mais com atletas entre os oito primeiros do ranking, garantindo que eles serão cabeças-de-chave e terão um caminho um pouco menos difícil no Mundial. Isso mostra que o planejamento está dando certo. Com relação aos líderes, vejo duas faces da moeda: se por um lado eles ganham, melhoram a autoconfiança e passam a ser mais respeitados pelo adversários; por outro passam a ser mais conhecidos e mais estudados. Eles têm que continuar trabalhando", destacou Ney Wilson, gestor técnico de alto rendimento da Confederação Brasileira de Judô (CBJ).

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade