0

PSG perde do Leipzig; United dá vexame contra lanterna

Neymar não pôde ser escalado por Thomas Tuchel, já que ainda se recupera de uma lesão no adutor da coxa esquerda

4 nov 2020
16h55
atualizado às 19h29
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Nesta quarta-feira, o Paris Saint-Germain visitou o Red Bull Leipzig e foi derrotado por 2 a 1, de virada, em jogo válido pela terceira rodada do grupo H da Liga dos Campeões. Di María abriu o placar para os franceses, porém Nkuku e Forsberg, de pênalti, marcaram para os mandantes. Os parisienses não contaram com Neymar.

Foto: Annegret Hilse / Reuters

O craque brasileiro não pôde ser escalado por Thomas Tuchel, já que ainda se recupera de uma lesão no adutor da coxa esquerda, sofrida na semana passada em jogo do Campeonato Francês. Além de Neymar, Mbappé também não esteve em campo por conta de dores musculares.

Com o resultado, o PSG estacionou nos três pontos, na terceira colocação do grupo H. Na próxima rodada, o time enfrentará novamente o RB Leipzig, em casa, no dia 24 de novembro. Enquanto isso, os alemães chegaram aos seis ponttos, na segunda posição.

Melhor em campo desde o início da partida, o PSG precisou de apenas cinco minutos para abrir o placar. Upamecano saiu jogando errado, Kean aproveitou e tocou na medida para Di María. O argentino mostrou tranquilidade para deslocar o goleiro e marcar.

Pouco depois, Kean dominou dentro da área, finalizou e Upamecano desviou o chute com o braço. O árbitro assinalou pênalti e Di María teve a oportunidade de fazer o segundo dele no jogo. No entanto, Gulácsi pulou no canto esquerdo e defendeu a cobrança.

Antes do intervalo, a máxima do "quem não faz, toma" entrou em ação. Aos 41 minutos, Nkuku recebeu passe de Angeliño na meia-lua e finalizou no canto direito de Navas para deixar tudo igual.

Aos dez minutos do segundo tempo, Angeliño dominou com o braço dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Forsberg bateu no canto direito e colocou os alemães na frente do placar. Aos 23, o PSG se complicou. Gueye fez falta em Haidara no meio-campo, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Já no final da partida, Kimpembé parou uma jogada com um carrinho, foi advertido com o segundo amarelo e também foi para o chuveiro mais cedo.

United dá vexame e perde de lanterna

Mais uma péssima partida do Manchester United. Pela terceira rodada da Liga dos Campeões, os Red Devils foram derrotados, fora de casa, por 2 a 1 para o Istanbul Basaksehir. Demba Ba e Visca marcaram para os turcos, enquanto Martial descontou para os ingleses.

Resultado péssimo

Com a derrota, o Manchester United se tornou o único clube do Grupo H que perdeu pontos para o Istanbul Basaksehir. Os turcos tinham perdido para PSG e Leipzig, que se contentam com o resultado negativo dos ingleses.

Foto: Reuters

Grande partida turca

Se por um lado os Red Devils fizeram uma péssima partida, do outro o Istanbul foi efetivo. Quando chegou, levou perigo e conseguiu converter as oportunidades. Atrás, não sofreu sustos além do gol de Martial.

Cena repetida

O Manchester United fez uma péssima partida. Apesar do gol feito por Martial, os Red Devils não conseguiram ameaçar o gol do Istanbul em outras oportunidades. Solskjaer mexeu e colocou peças ofensivas, mas a criatividade continuou nula.

Cargo ameaçado

Sem prestígio com a torcida, Solskjaer balança no cargo. Apesar de ter confiança da diretoria do Manchester United, o treinador já coleciona péssimos resultados na Premier League e viu sua equipe cometer mais um vexame.

Com informações do Lance!.

Veja também:

Ceni tem o 2º pior aproveitamento do Fla nos últimos 10 anos
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade