0
Logo do Olimpíada 2016
Foto: terra

Olimpíada 2016

Os anunciantes aqui reunidos não possuem relação com os Jogos Rio 2016 e patrocinam apenas este caderno especial.

Rússia perde prata no 4x400m em Londres por doping de Antonina Krivoshapka

1 fev 2017
08h37
  • separator
  • comentários

Uma nova reanálise de amostras coletadas nos Jogos Olímpicos de 2012 revelaram três novos positivos por doping, um deles da velocista russa Antonina Krivoshapka, o que representa a perda da medalha de prata conquistada pela equipe do país no revezamento 4x400 metros livres.

Krivoshapka foi a sexta colocada na final individual dos 400 metros do atletismo e segunda atleta a receber o bastão no revezamento 4x400 metros disputados em Londres 2012. Sua desclassificação implica também a da equipe da Rússia, que terá que devolver a medalha de prata conquistada na prova.

Com o doping de Krivoshapka, a equipe da Jamaica deve ficar com a medalha de prata conquistada pelas russas. Já a Ucrânia, quarta colocada, assume o terceiro lugar no pódio e fica com o bronze.

Os outros dois atletas desclassificados dos Jogos Olímpicos de 2012 são a também russa Vera Ganeeva, que disputou o lançamento de disco, e o boxeador turco Adem Kilicci.

Os três atletas foram pegos pelo consumo do esteroide anabolizante turinabol, informou o Comitê Olímpico Internacional.

Ganeeva terminou na 23ª posição no lançamento de disco. Kilicci tinha obtido o quinto lugar no peso-médio (até 75kg), mesma categoria do brasileiro Esquiva Falcão, que ficou com a prata após perder na decisão para o japonês Ryota Murata.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade