PUBLICIDADE

Tite pode igualar feito histórico da Seleção de 1970

Se vencer esta noite o Paraguai, campanha do Brasil será semelhante à das eliminatórias para o Mundial do tri

8 jun 2021 08h55
| atualizado às 09h18
ver comentários
Publicidade

O técnico Tite está a um passo de conseguir uma façanha no comando da Seleção brasileira. Se o time vencer esta noite o Paraguai, em Assunção, pelas eliminatórias do Mundial de 2022, vai igualar o recorde obtido pela Seleção de 1970, durante o torneio classificatório, realizado em agosto de 1969, para a Copa do México.

Técnico Tite está próximo de conseguir uma façanha na Seleção brasileira
20/09/2019
REUTERS/Sergio Moraes/File Photo
Técnico Tite está próximo de conseguir uma façanha na Seleção brasileira 20/09/2019 REUTERS/Sergio Moraes/File Photo
Foto: Reuters

Naquela oportunidade, o Brasil venceu as seis primeiras partidas, ou seja, todas que disputou, para garantir vaga no Mundial. O aproveitamento da equipe, portanto, foi de 100%. Enfrentou e superou, duas vezes cada, Colômbia, Paraguai e Venezuela.

Desta vez, já são cinco triunfos seguidos, desde a estreia em outubro do ano passado, quando goleou a Bolívia por 5 a 0, no estádio do Corinthians, a Neo Química Arena. Depois, deixou para trás Peru (4 a 2, em Lima), Venezuela (1 a 0, no Morumbi), Uruguai (2 a 0, em Montevidéu) e, na última sexta-feira, o Equador (2 a 0, no Beira-Rio).

Em 2016 e 2017, pelas eliminatórias para o Mundial da Rússia, em 2018, a Seleção brasileira, sob comando de Tite, ganhou nove partidas consecutivas. A diferença, agora, é que os resultados estão sendo alcançados desde a primeira rodada do torneio.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade