1 evento ao vivo

Ajax avança na Liga dos Campeões; Porto perde em casa e é eliminado

13 ago 2019
17h45
atualizado às 18h09
  • separator
  • 0
  • comentários

Nesta terça-feira, o Ajax recebeu o PAOK, da Grécia, na Johan Cruyff Arena, em partia válida pela volta da terceira fase pré-eliminatória da Liga dos Campeões e venceu pelo placar de 3 a 2.

O time da casa teve nada menos do que três pênaltis a seu favor, e o batedor oficial da equipe, Tadic, desperdiçou um deles, tendo colocado a bola nas redes nas outras duas oportunidades. O terceiro gol foi marcado por Tagliafico, ao passo que Biseswar anotou os dois tentos dos gregos.

Com isso, os holandeses avançam após terem empatado pelo placar de 2 a 2 fora de casa, e agora terão pela frente do APOEL, do Chipre, no último playoff antes da fase de grupos.

Mesmo jogando dentro de casa e contando com o apoio de sua torcida, a equipe holandesa não teve um início muito positivo. Aos 23 minutos de jogo, Diego Biseswar, da entrada da área, bateu no canto esquerdo para abrir o placar para o time visitante.

O time da casa então partiu para cima em busca do gol de empate, e aos 32, David Neres foi derrubado dentro da área e o árbitro assinalou a penalidade máxima. Na cobrança, contudo, Tadic parou no goleiro Alexandros Paschalakis. Dez minutos depois, a bola resvalou no braço de Fernando Varela e o árbitro voltou a apontar a marca da cal a favor dos holandeses. Tadic novamente foi para batida, e desta vez bateu no meio do gol para empatar a partida.

Na segunda etapa, o jogo ficou mais franco, e as oportunidades de gol surgiram para ambas as equipes. Mesmo com o resultado a seu favor, o Ajax imprimia um ritmo veloz e tentava criar situações com base no toque de bola. O PAOK, por sua vez, conseguia alguns preciosos contra-ataques, mas pecava muito no chamado "último passe" e não era feliz nas finalizações.

Já aos 35, após cruzamento na área, Tagliafico apareceu sozinho para completar de cabeça e marcar o segundo dos mandantes. Logo depois, aos 41, em uma jogada confusa, dois jogadores do Ajax caíram na área, e o árbitro novamente assinalou a penalidade. Tadic então foi para a sua terceira cobrança no jogo e não desperdiçou, fazendo 3 a 1 para os holandeses.

Já nos acréscimos, faltando um minuto para o fim, o PAOK seguiu na base do abafa e ainda conseguiu outro gol com Biseswar, mas a reação não foi suficiente e os gregos acabaram mesmo eliminados.

Porto perde em casa e é eliminado

O Porto recebeu o Krasnodar, da Rússia, tendo a seu favor o placar de 1 a 0 conquistado na partida de ida, mas acabou decepcionando seus torcedores ao ser derrotado por 3 a 2.

Com o resultado, os russos despacham os portugueses campeões da Europa pela última vez em 2004 e, na próxima fase, terão pela frente o Olympiacos, tradicional time grego.

A vitória do Krasnodar começou a ser construída muito cedo. Logo aos três minutos, Vilhena abriu o placar, igualando a vantagem conquistada pelo Porto na ida. Na sequência, aos 13 e aos 34 minutos, Suleymanov ainda ampliou para deixar os russos em ótima situação.

Na segunda etapa, o Porto pressionou em busca de um milagre, e aos 12, diminuiu com José Luís. Aos 31, a equipe ainda fez o segundo gol com Luis Diáz, mas o Krasnodar conseguiu se segurar nos minutos finais para avançar à próxima fase.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade