PUBLICIDADE

Argentina

Brasil é derrotado pela Argentina e dá adeus à Copa do Mundo sub-17 nas quartas de final

Claudio Echeverri foi o responsável por marcar todos os três gols da partida desta sexta-feira, em Jacarta, na Indonésia

24 nov 2023 - 11h28
(atualizado às 12h04)
Compartilhar
Exibir comentários

Em compromisso válido pelas quartas de final da Copa do Mundo sub-17, o Brasil acabou sendo eliminado da competição ao perder para a Argentina por 3 a 0. Claudio Echeverri foi o responsável por marcar todos os três gols da partida desta sexta-feira, em Jacarta, na Indonésia.

Foto: ( Leto Ribas/CBF) / Gazeta Esportiva

O resultado fez com que a Seleção se despedisse do torneio e o sonho do pentacampeonato chegasse ao fim. Último time a ganhar o Mundial da categoria, vencendo o México na final de 2019, o Brasil também já havia levado o troféu em 1997, 1999 e 2003, sendo o maior campeão junto da Nigéria.

Nesta edição, os comandados do técnico Phelipe Leal estrearam com uma derrota de 3 a 2 para o Irã, mas venceram a Nova Caledônia por 9 a 0 e a Inglaterra por 2 a 1 para avançar em 2º no Grupo C. Antes de ser eliminado nas quartas, o Brasil havia passado pelo Equador nas oitavas por 3 a 1.

Já a Argentina buscará o seu primeiro título da Copa do Mundo sub-17. Na semifinal, a equipe enfrentará a Alemanha, que jogou mais cedo com a Espanha e se classificou ao vencer por 1 a 0, com um gol de pênalti de Brunner.

O jogo

Por conta de uma chuva forte antes do início da partida, a bola só foi rolar com 30 minutos de atraso. Mesmo assim, quem levou mais perigo no primeiro tempo foi o Brasil. A melhor chance da equipe veio aos 25 minutos, quando Estevão ficou cara a cara com o goleiro Florentin, mas tocou de cavadinha para fora.

Apesar do bom momento da Seleção, quem foi abrir o placar aos 28 foi a Argentina. Em contra-ataque, Echeverri passou pela marcação brasileira e bateu para o gol livre de marcação. O chute desviou no zagueiro Vitor Reis e encobriu o goleiro Phillipe Gabriel.

No começo da segunda etapa, o Brasil até tentou reagir, mas quem marcou novamente foi a Argentina. Acuna enfiou a bola no meio para Echeverri, que limpou dois defensores e bateu colocado pela direita, tirando de Phillipe Gabriel e anotando o seu segundo aos 12 minutos.

Mesmo com a boa vantagem, a Argentina continuou pressionando um Brasil abalado e conseguiu o terceiro, mais uma vez com Echeverri. O meia recebeu um bom passe em profundidade de Ruberto, driblou o goleiro Phillipe Gabriel e tocou para o gol vazio, garantindo seu hat-trick aos 25 minutos.

O Brasil até teve uma boa chance de descontar aos 44, após Estevão cruzar na área e Riquelme tocar por cima da meta adversária. No entanto, a Seleção saiu de campo sem conseguir balançar as redes dos argentinos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade