PUBLICIDADE

Campeonato Paulista

Patrocínio Logo do patrocinador

Palmeiras bate a Lusa e volta a ser o melhor time do Paulistão

Com o 2 a 0, no Canindé, Verdão volta a superar o Santos na pontuação geral. Portuguesa segue no G2 e com risco de rebaixamento

28 fev 2024 - 21h40
(atualizado às 21h59)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução/TNT - Legenda: Flaco López celebra o seu gol, que abriu o placaer para o Palmeiras / Jogada10

Em jogo adiado da quinta rodada do Paulistão, nesta quarta-feira, 28, o Palmeiras visitou a  Portuguesa, no Canindé. Não fez um grande jogo, pois teve pouca inspiração ofensiva, quase não conseguindo sair da marcação da Lusa. Mas, ainda assim, chegou a um justo triunfo: 2 a 0, gols de Flaco López e Gabriel Menino. Ambos no segundo tempo.

Com a vitória, o Palmeiras foi aos 24 pontos. Assim, não apenas é líder do Grupo B e garantido no primeiro lugar (que dá vantagem nas quartas) como é o líder geral, superando o Santos. Já a Portuguesa, com sete pontos, está em segundo lugar no Grupo A, posição que a garante nas quartas. Contudo, a Lusa tem a quarta pior campanha e corre risco de rebaixamento.

Palmeiras com a bola; Lusa com a chance maior de gol

O Palmeiras, como era de se esperar, fez valer a sua qualidade e dominou o primeiro tempo. Procurou atacar com Caio Paulista pela esquerda e Endrick flutuando muito. E foi o garoto-sensação quem teve a melhor oportunidade do time nos primeiros 25 minutos, um chute de fora da área que passou raspando. Contudo, se a Lusa tinha pouco a bola, foi dela a melhor chance. Aos 24, Patrick não alcançou uma  falta cobrada por Eduardo Diniz. Mas a bola passou e o goleiro Weverton quase engoliu um frango histórico. Mas conseguiu, ao menos dar um tapa e evitar o vexame.

Depos dos 30 minutos, o Palmeiras retomou as rédeas e teve como melhor oportunidade uma falta que Raphel Veiga cobrou para ótima defesa de Thomazella.

Flaco López  e Menino definem o jogo

Durante 15 minutos o jogo, no segundo tempo, teve o Palmeiras scom a bola. Contudo, sem efetividade nos arremates, e com a Lusa apostando em contra-ataques pela direita com Maceeó. Mas, aos 16 Victor Andrade acabou pisando na coxa de Luan, sem querer, numa dividida. O VAR chamou o juiz que optou por uma expulsão polêmica do atacante da Portuguesa. Com dez, o time da casa se fechou ainda mais. Mas acabou levando um gol aos 21 minutos. Marcos Rocha recebeu pela esquerda e cruzou. Flaco López cabeceou meio sem jeito. Entretanto, enganou de Thomazella. Verdão fazia  1 a 0.

A Lusa até tentou o empate e quase marcou numa nova falha de Weverton. Mas quem colocou na rede foi o Palmeiras, numa trama de jogadores que entraram no segundo tempo, nos acréscimos. Lázaro, que entrou na vaga de Endrick e já tinha dado um chute perigoso, fez boa jogada. A bola sobrou para Richard Ríos que rolou para o belo arremate de Gabriel Menino.

PORTUGUESA 0X2 PALMEIRAS

Campeonato Paulista 

Data: 28/2/2024

Local: Canindé, São Paulo (SP)

Público: 11.652 pagantes

Renda: R$ 632.760,00

PORTUGUESA: Thomazella; Talles (Douglas Borel, 38'/2ºT), Quintana, Robson e Eduardo Diniz (P. Henrique, 35'/2ºT); Patrick, Tauã, Ricardinho (Dudu, 42'/2ºT) e Giovanni Augusto (Henrique Dourado, 42'/2ºT); Victor Andrade e Maceió (Rone, 35'/2ºT). Técnico: Pintado

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Murilo e Piquerez; Aníbal Moreno (Gabriel Menino, 37'/2ºT), Zé Rafael (Rony, 27'/2ºT), Raphael Veiga (Breno, 37'/2ºT) e Caio Paulista (Richard Ríos, 27'/2ºT); Endrick (Lazaro, 27'/2ºT) e Flaco López Técnico: Abel Ferreira

Gols: Flaco López, 21/2ºT (0-1); Gabriel Menino, 47'/2ºT (0-2)

Árbitro: Thiago Luis Scarascati

Auxiliares: Fabrini Bevilaqua Costa e Evandro de Melo Lima

VAR: Adriano de Assis Miranda

Cartões Amarelos: Talles, Maceió, Eduardo Diniz, Patrick (POR)

Cartões Vermelhos: Vitor Andrade (POR, 15'/2ºT)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade