1 evento ao vivo

CBF questiona Fifa por árbitro de vídeo em Brasil x Suíça

Entidade pediu a razão pelo não-uso da tecnologia em lances polêmicos

18 jun 2018
17h41
atualizado às 18h46
  • separator
  • 0
  • comentários

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) encaminhou nesta segunda-feira (18) um ofício à Fifa questionando os procedimentos adotados pelo sistema de árbitro de vídeo (VAR), após a seleção reclamar de falta no zagueiro Miranda em gol da Suíça no empate de 1 x 1, no domingo (17).

"A CBF requer da Fifa a razão pela qual a tecnologia não foi utilizada em lances capitais da partida", disse a entidade em nota.

Segundo o documento, a CBF solicita esclarecimentos em relação ao árbitro de vídeo, que prevê, "quatro decisões revisáveis: gols, decisões em penais, cartão vermelho direto e identidade equivocada".

Brasileiros reclamam de gol da Suíça
 17/6/2018     REUTERS/Darren Staples
Brasileiros reclamam de gol da Suíça 17/6/2018 REUTERS/Darren Staples
Foto: Reuters

O gol de empate da Suíça, no começo do segundo tempo, foi marcado após empurrão do meia suíço Zuber em Miranda dentro da pequena área. Alguns jogadores pressionaram pela revisão da jogada pelo árbitro de vídeo, mas não houve revisão. Os brasileiros reclamaram também de um pênalti em Gabriel Jesus.

"Eles jogaram por uma bola que não foi limpa. Foi pênalti também e gol nem se fala. Não podemos mudar foco e dizer que o jogo foi só erro da arbitragem", disse o zagueiro Thiago Silva após o jogo.

De acordo com o goleiro Alisson, "o empurrão tirou o Miranda da jogada".

O técnico Tite disse em entrevista coletiva que não se pode conceber no futebol de alto nível a não marcação de falta do meia suíço em Miranda, mas fez questão de ressaltar que a arbitragem não foi responsável pelo resultado.

Nesta segunda-feira (18), os jogadores do Brasil fizeram um treino regenerativo, mas alguns foram poupados, entre eles o atacante Neymar. O grupo ganhou folga de algumas horas e se reapresenta na terça-feira (19) para começar a se preparar para o segundo jogo no Mundial, diante da Costa Rica, na sexta-feira (22).

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade