PUBLICIDADE

Botafogo vence o Bragantino em jogo de três gols anulados e se recupera no Brasileirão

4 jul 2022 - 22h24
(atualizado às 22h30)
Ver comentários
Publicidade

O Botafogo acabou com a sequência de maus resultados e venceu por 1 a 0 o Red Bull Bragantino, nesta segunda-feira, no Nabi Abi Chedid. Com o resultado, os alvinegros chegaram a 21 pontos e, assim, dormem na nona colocação. Já os paulistas, com 18, seguem próximos da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

O primeiro tempo foi de muita correria, mas pouca emoção. No segundo tempo, o Bragantino colocou três bolas na rede, mas todos foram anulados por impedimento, sendo dois pelo VAR. Já o Botafogo foi competente e marcou com Vinícius Lopes.

Na próxima rodada, o Botafogo visita o Cuiabá, neste domingo, na Arena Pantanal. No dia anterior, o Bragantino recebe o Avaí, no Nabi Abi Chedid.

O jogo

A partida começou com as duas equipes em busca do ataque. A primeira boa chance, no entanto, aconteceu somente aos 17 minutos. Alerrandro foi lançado e finalizou em cima de Gatito Fernández.

O lance animou o Bragantino, que, assim, melhorou no jogo e teve nova oportunidade aos 24 minutos. Após bate e rebate na área, Alerrandro cabeceou para boa defesa de Gatito Fernández.

O Botafogo tentava, sem sucesso, chegar com qualidade ao ataque. Nos minutos finais, o Bragantino esboçou uma pressão, mas também pouco incomodou a zaga alvinegra. Assim, o duelo seguiu igual até o intervalo.

Segundo tempo

O segundo tempo começou como terminou o primeiro. Só que desta vez, o Botafogo teve a primeira boa chance aos dez minutos, Lucas Fernandes surpreendeu ao chutar ao invés de cruzar, mas Cleiton estava atento para salvar os donos da casa.

O Bragantino seguia com mais posse de bola e, dessa forma, chegou a balançar a rede, com Artur. No entanto, o gol foi anulado após análise do VAR por impedimento do atacante. No entanto, em seguida, foi o Botafogo que abriu o placar, aos 18 minutos. Após cobrança de falta na área, a bola sobrou para Vinícius Lopes, que mandou para a rede.

Os paulistas seguiram com a postura ofensiva e mandaram mais uma bola para a rede, com Natan. Novamente, no entanto, o gol foi anulado após análise do VAR por impedimento do zagueiro. O Bragantino continuou em busca do gol e quase empatou aos 31 minutos, com Carlos Eduardo. Desta vez, contudo, Gatito Fernández salvou os cariocas.

O Bragantino voltou a ter um gol anulado aos 36 minutos, com Léo Ortiz. Só que desta vez, o lance não precisou de revisão, pois o defensor estava muito a frente, em posição de impedimento. Dessa forma, o próprio assistente anulou o lance.

Já nos minutos finais, o confronto ficou aberto. Primeiro, Daniel Borges tentou de longa distância e quase acertou o gol. Em seguida, Miguel cruzou e Alerrandro cabeceou com muito perigo.

A situação ficou boa para o Botafogo quando Eric Ramires chutou a bola em cima de Lucas Fernandes e, assim, foi expulso. Mesmo assim, o Bragantino pressionou, mas viu os visitantes segurarem a vitória em Bragança Paulista.


FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO 0 X 1 BOTAFOGO

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Braganca Paulista (SP)
Data: 4 de julho de 2022 (Segunda-feira)
Horário: 20h(de Brasília)
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa-SC) e Henrique Neu Ribeiro (SC)
VAR: Wagner Reway (PB)
Cartões amarelos: Léo Ortiz e Gabriel Novaes (Bragantino); Matheus Nascimento, Saravia, Lucas Fernandes e Vinícius Lopes (Botafogo)
Cartão vermelho: Eric Ramires (Bragantino)
GOL
BOTAFOGO: Vinícius Lopes, aos 18min do segundo tempo.

BRAGANTINO: Cleiton, Aderlan, Léo Ortiz, Natan e Luan Cândido; Raul (Miguel), Lucas Evangelista (Eric Ramires) e Hyoran (Gabriel Novaes); Artur (Helinho), Alerrandro e Sorriso (Carlos Eduardo)
Técnico: Maurício Barbieri

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Víctor Cuesta, Kanu e Philipe Sampaio; Saravia, Kayque (Del Piage), Patrick de Paula, Lucas Fernandes e Hugo; Vinícius Lopes (Daniel Borges) e Matheus Nascimento (Daniel Cruz)
Técnico: Luís Castro

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade