PUBLICIDADE

Avaí supera o Londrina e retoma posto no G4 da Série B

Marcando com Lourenço e Copete, Azzurra subiu para a terceira posição na Série B do Brasileirão

28 set 2021 18h02
| atualizado às 18h04
ver comentários
Publicidade

Com pouco mais de cinco mil pessoas ocupando o espaço permitido pelo Governo do Estado de Santa Catarina na Ressacada, o Avaí ganhou por 2 a 0 do Londrina em jogo válido pela 27ª Rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Resultado esse que coloca o time avaiano na terceira posição com 46 unidades e o Londrina mantido na 17ª colocação tendo 27 unidades.

Equipe catarinense jogou frente ao seu público na Ressacada (Reprodução/SporTV)
Equipe catarinense jogou frente ao seu público na Ressacada (Reprodução/SporTV)
Foto: Lance!

PRESSÃO AVAIANA, MAS...

O jogo basicamente se desenvolveu, nos primeiros minutos, pelos arredores da grande área do Londrina onde a equipe da casa trabalhava bastante o aspecto da marcação alta, obrigando o time visitante a sair jogando na base da bola longa ou a cometer erros que deixavam o Avaí sempre perto da meta defendida pelo arqueiro Dalton. Todavia, pela falta de pontaria e o acumulo de jogadores adversários, existia dificuldade em transformar esse volume em chances de gol mais claras.

Em um raro espaço que teve dentro da área para finalizar após retomar a posse em saída curta do time paranaense, Vinícius Leite ficou cara a cara com Dalton, mas bateu embaixo da bola e isolou a melhor oportunidade avaiana para tirar o zero do marcador.

CHEGOU MENOS, PORÉM ASSUSTOU

Após a metade da primeira etapa, aos poucos a equipe visitante conseguiu se organizar melhor e, também contando com o natural recuo na postura da linha de marcação do Avaí por questão física, começou a também trabalhar os seus momentos de posse no ataque, principalmente se valendo da bola parada. Em um desses momentos, o escanteio cobrado pelo lado direito do ataque foi desviado por Edilson na direção do próprio gol com Betão tendo de salvar em cima da linha para evitar o gol londrinense.

MARTELOU, MARTELOU... E MARCOU!

O início do tempo complementar repetiu o ritmo de pressão do time catarinense e também os problemas que a equipe de Claudinei Oliveira enfrentava para conseguir direcionar suas finalizações para o gol de Dalton. Não por acaso, na primeira vez que o trabalho ofensivo resultou em finalização com mais firmeza e precisão, o placar foi aberto na Ressacada. Em boa trama do lado direito com Copete servindo Edilson, o lateral cruzou para Getúlio onde, com ele não alcançando, o meio-campista Lourenço bateu firme no canto esquerdo da meta do Londrina e estufou as redes na cidade de Florianópolis.

ERRO FATAL

Com o Londrina posicionado de maneira avançada para a cobrança de escanteio cortado pela defesa avaiana, um passe errado na retomada da posse do Londrina dado por Gegê acabou resultando na armação do segundo tento catarinense. Após o toque que passou por Marcelinho, Copete saiu em disparada da intermediária ofensiva e, na saída de Dalton, bateu rasteiro, de pé esquerdo, e determinou a vitória mandante no jogo que marcou o retorno do público a Ressacada.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

AVAÍ x LONDRINA

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)

Data e hora: 28/09/2021 - 16h (de Brasília)

Árbitro: Douglas Schwengber da Silva (RS)

Assistentes: Leirson Peng Martins e Lucio Beiersdorf Flor (ambos RS)

VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)

Cartões amarelos: Jean Cléber, Lourenço, Renato (AVA); Felipe, Luiz Henrique, Marcelinho, Jhonny Lucas (LON)

Cartões vermelhos:

GOLS: Lourenço (9'/2°T) (1-0), Copete (21'/2°T) (2-0)

AVAÍ (Técnico: Claudinei Oliveira)

Glédson; Edilson (João Lucas, aos 22'/2°T), Betão, Fagner Alemão e Diego Renan; Jean Cléber, Lourenço (Wesley Soares, aos 32'/2°T) e Valdívia (Jadson, aos 12'/2°T); Vinícius Leite (Rômulo, aos 12'/2°T), Getúlio (Renato, aos 32'/2°T) e Copete.

LONDRINA (Técnico: Márcio Fernandes)

Dalton; Matheus Bianqui, Marcondes, Lucas Costa e Felipe; João Paulo, Jhonny Lucas (Jean Henrique, aos 44'/2°T) e Marcelo Freitas (Gegê, aos 20'/2°T); Marcelinho (Caprini, aos 30'/2°T), Salatiel (Júnior Pirambu, aos 30'/2°T) e Luiz Henrique (Roberto, aos 20'/2°T).

Lance!
Publicidade
Publicidade