PUBLICIDADE

Atlético-MG, Fla e Inter fracassam na volta de selecionáveis

Reforços não deram conta do recado para seus times, que não venceram na rodada

18 out 2021 08h19
| atualizado às 08h35
ver comentários
Publicidade

Houve chiadeira dos clubes depois que a CBF decidiu não adiar jogos do Brasileiro por causa de compromissos de seleções da América do Sul pelas eliminatórias do Mundial de 2022. Avaliaram prejuízo técnico para os times. Agora, mesmo com os reforços dos que serviram às suas respectivas seleções nacionais nos últimos dias, Flamengo, Atlético-MG e Internacional tropeçaram no fim de semana.

Everton Ribeiro foi um dos que voltaram da Seleção sem jogar bem na rodada do Brasileiro
09/09/2021 REUTERS/Ricardo Moraes
Everton Ribeiro foi um dos que voltaram da Seleção sem jogar bem na rodada do Brasileiro 09/09/2021 REUTERS/Ricardo Moraes
Foto: Reuters

No Flamengo, a dupla Gabigol e Everton Ribeiro, à disposição de Tite nas partidas do Brasil contra Venezuela, Colômbia e Uruguai, teve atuação apagada no empate por 0 a 0 contra o Cuiabá, nesse domingo (17), no Maracanã. Tanto que os dois foram substituídos.

No Atlético-MG, a volta de Guilherme Arana, também no grupo de Tite, e de Junior Alonso, que jogou pelo Paraguai na rodada tripla das eliminatórias, também não adiantou nada. O time acabou batido pelo Atlético-GO por 2 a 1, de virada, nesse domingo, em Goiânia.

O maior fiasco, porém, coube a Edenilson, do Internacional. Ele ficou na reserva da Seleção nos três compromissos e só atuou oito minutos contra o Uruguai. Nesse domingo, além de seu rendimento fraco na derrota do Inter para o Palmeiras por 1 a 0, Edenílson acabou expulso após ofender a arbitragem, no Allianz Parque.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade