0

Após revés do Botafogo, Carli critica Jorge Jesus: 'Faltou com o respeito'

Zagueiro diz que foi para cima do treinador do Flamengo após o final do clássico

7 nov 2019
23h31
atualizado às 23h31
  • separator
  • 0
  • comentários

Um dos jogadores mais irritados após a derrota do Botafogo para o Flamengo, por 1 a 0, na noite desta quinta-feira, era o zagueiro Joel Carli. O jogador do time alvinegro não gostou da comemoração dos flamenguistas ao final do jogo no centro do gramado do Engenhão, algo que já se tornou tradicional, e foi para cima do técnico Jorge Jesus. A discussão foi aberta e só a "turma do deixa disso" acalmou os ânimos. O argentino garante que só se defendeu.

"Ele (Jorge Jesus) me faltou com o respeito. Por isso eu foi para cima mesmo. Mas deixa para lá, porque é coisa de jogo. Achei o jogo muito equilibrado, porque nossa marcação se encaixou bem. Infelizmente ficamos com um jogador a menos (com a expulsão do Luiz Fernando) e sofremos uma forte pressão. Mesmo assim, o resultado mais justo seria o empate", analisou o argentino, com cara de poucos amigos.

Para o experiente Jean, que entrou no segundo tempo, o caminho é esquecer esta derrota e pensar no futuro. "Vão ser sete decisões pela frente. Temos que tirar como exemplo o jogo de hoje, onde jogamos bem e diante do melhor time do campeonato. É uma demonstração de que podemos nos manter na elite", comentou.

O volante João Paulo acredita que o futebol exibido nesta noite contra o líder dá confiança para escapar da degola. "Nós entramos em campo bem concentrados, atento em todos os detalhes, porque nos últimos jogos sofremos gols de bobeira. Temos que manter o foco total. Foi uma pena perdermos, porque a torcida nos apoiou do início ao fim e depois nos aplaudiu, reconhecendo o nosso esforço."

Com a derrota, o Botafogo caiu para a 17ª posição, abrindo a zona de rebaixamento com 33 pontos, mesmo porque o Fluminense ganhou do São Paulo, por 2 a 0, no Morumbi e atingiu os 34 pontos, em 15º lugar. Por coincidência, na próxima rodada o time carioca vai enfrentar o Avaí, lanterna e virtualmente rebaixado, de novo no Engenhão. Este encontro vai fechar a 32ª rodada, na segunda-feira à noite.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade