PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Brasileira

Meu time

Tite justifica Raphinha em lista e ausência de outros nomes

Técnico exaltou qualidades de atacante do Leeds United e explicou os motivos para não incluir Gerson e Diego Carlos em convocação da Seleção

13 ago 2021 12h52
| atualizado às 16h05
ver comentários
Publicidade

Nesta sexta-feira, Tite anunciou a convocação da Seleção Brasileira para os três próximos jogos da equipe nacional nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. E uma das novidades da lista foi o atacante Raphinha, Leeds United, clube comandado por Marcelo Bielsa na Inglaterra.

Raphinha, do Leeds United, foi chamado por Tite e ganhou elogios do treinador
Raphinha, do Leeds United, foi chamado por Tite e ganhou elogios do treinador
Foto: Ed Sykes/File Photo/Reuters

Tite justificou a convocação destacando características técnicas do jogador. "O Raphinha nós vínhamos acompanhando já há algum tempo, na subida do Leeds para a Premier League e desempenho ao longo de todo o campeonato (Inglês). É um atleta que tem uma característica técnica, de drible, acentuada. É um dos maiores assistentes de sua equipe e da Premier League, tem um número de gols importante, um jogador decisivo, que marca o 'gol-chave'", ressaltou o comandante, em entrevista coletiva concedida na sede da CBF, no Rio de Janeiro.

"Isso a gente analisa muito. Então, ele traz componentes técnicos, ele traz a velocidade de um externo, junto com qualidade técnica. Tomara que se confirme também nessa oportunidade dentro da Seleção", completou o treinador.

Com 100% de aproveitamento após seis jogos nas Eliminatórias do Mundial de 2022, o Brasil enfrenta o Chile no dia 2 de setembro, em Santiago, às 23h (de Brasília). Depois, a Seleção terá duas partidas em casa. A primeira será contra a Argentina, no dia 5, na Neo Química Arena, às 16h, e, por último, contra o Peru, no dia 9, na Arena Pernambuco, às 21h30.

E as ausências também chamaram atenção na lista de convocados da Seleção Brasileira. E Tite detalhou o que foi crucial para o meio-campista Gerson, do Olympique de Marselha, e o zagueiro Diego Carlos, medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos, não terem sendo incluídos nesta sua listagem.

"O Gerson nessa transferência (após deixar o Flamengo) fez cinco jogos pelo Olympique, o técnico Sampaoli ainda está buscando o melhor local na equipe para ter o melhor do Gerson", declarou Tite.

Diego Carlos, por sua vez, não é carta fora do baralho. Tite comentou sobre o momento do jogador do Sevilla. "Diego Carlos esteve com a gente. Eles fazem parte da nossa lista larga", afirmou o treinador, que ainda sinalizou que ambos não estão descartados e podem, futuramente, serem convocados. "Serão lembrados se estiverem bem", prometeu. (com informações do LANCE!)

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Lance!
Publicidade
Publicidade