0
Logo do Seleção Brasileira
Foto: terra

Seleção Brasileira

Pandemia prejudicou 8 jogadores da Seleção Brasileira

Gabigol, Bruno Henrique e Daniel Alves, entre outros, estavam na lista de março, agora, ficaram fora

9 out 2020
11h57
atualizado às 14h07
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Brasil inicia nesta sexta sua caminhada rumo à Copa do Mundo de 2022. Para os jogos com a Bolívia, às 21h30, na Arena Corinthians, e Peru, dia 13, em Lima, oito convocados em março pelo técnico Tite ficaram pelo meio do caminho e não voltaram agora ao grupo. Ou seja, a pandemia de covid-19 que paralisou o futebol em todo o planeta acabou prejudicando esses jogadores, ausentes neste momento por contusões ou questões técnicas.

Em março, o técnico Tite convocou 24 jogadores para as duas partidas iniciais do Brasil nas eliminatórias do Mundial, contra os mesmos adversários, que seriam realizadas naquele mês. Com a liberação para o começo da competição, ele fez uma nova lista, com 23 nomes.

Gabigol estava na lista de março da Seleção; agora, contundido, ficou fora
Gabigol estava na lista de março da Seleção; agora, contundido, ficou fora
Foto: Flamengo/Divulgação / Estadão Conteúdo

Quem estava na relação de março e sobrou na convocação de setembro foram Gabigol, Bruno Henrique, Daniel Alves, Gabriel Jesus, Arthur, Éder Militão, Alex Sandro e Ivan (goleiro). Provavelmente, pelo menos três deles seriam titulares da equipe – Daniel Alves, Alex Sandro e Gabriel Jesus.

Por outro lado, a tendência é que o time que deve entrar em campo nessa estreia contra a Bolívia seja formado por jogadores que já constavam da lista inicial – Weverton; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro, Bruno Guimarães e Philippe Coutinho; Everton Cebolinha, Neymar e Roberto Firmino.

 

Fonte: Silvio Alves Barsetti
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade