PUBLICIDADE

Red Bull entra em acordo com Mercedes e anuncia chegada de Ben Hodgkinson para maio

Red Bull e Mercedes chegaram a acordo e anunciaram juntas a definição de quando ex-chefe de engenharia dos alemães muda de camisa

21 jan 2022 14h50
| atualizado às 14h56
ver comentários
Publicidade
Red Bull e Mercedes chegaram a acordo por Ben Hodgkinson
Red Bull e Mercedes chegaram a acordo por Ben Hodgkinson
Foto: Dan Istitene/Getty Images/Red Bull Content Pool / Grande Prêmio

A Red Bull assegurou uma das contratações feitas no último ano e que causaram problema na relação com a Mercedes. Na tarde desta sexta-feira (21), a equipe dos energéticos e a Mercedes anunciaram no mesmo momento o acordo para que Ben Hodgkinson assuma o cargo na nova casa: 24 de maio deste ano.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Hodgkinson era chefe de engenharia na divisão de motores da Mercedes [Mercedes AMG High Performance Powertrains] até abril do ano passado, quando foi contratado para assumir a direção-técnica da Red Bull Powertrains, recém-criada divisão de motores da rival austríaca.

A partir de 2022, com a decisão da Honda de deixar a F1, a Red Bull comprou a tecnologia e, com o congelamento dos motores até o fim de 2025, é quem tocará as próprias unidades de força. Para isso, montou uma divisão para cuidar do assunto na fábrica de Milton Keynes.

Red Bull venceu mais uma
Red Bull venceu mais uma
Foto: Clive Rose/Getty Images / Grande Prêmio

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

"Chega a este projeto um vencedor comprovado da corrida e um inovador capaz de liderar uma equipe de engenheiros altamente qualificados", declarou o chefe Christian Horner sobre Hodgkinson logo após o anúncio da contratação, em 2021

"Quando a Red Bull anunciou a criação do Red Bull Powertrains, também estava anunciando uma nova fase da ambição da empresa na Fórmula 1 - trazer todos os aspectos do design do carro para dentro de casa e colocar nosso destino em nossas próprias mãos. A nomeação de Ben sinaliza nossa intenção de longo prazo e iremos apoiar ele e sua equipe com todos os recursos disponíveis necessários para ter sucesso", completou na ocasião.

O acordo indica que Hodgkinson assumirá o cargo na Red Bull exatos 13 meses após a notícia de sua contratação. O profissional chegou na Mercedes em 2001 e ficou por lá durante 20 anos.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade