PUBLICIDADE

Diretor de provas da F1 contrapõe acusação de Alonso: "Regras são iguais para todos"

Michael Masi, diretor de provas da F1, foi de encontro ao que afirmou Fernando Alonso após a Rússia e jurou que ninguém recebe benefícios

12 out 2021 08h23
ver comentários
Publicidade
Michael Masi, diretor de provas da F1, respondeu a Alonso
Michael Masi, diretor de provas da F1, respondeu a Alonso
Foto: Fórmula 1/Twitter / Grande Prêmio

BOTTAS VENCE NA TURQUIA, MAS MERCEDES PERDE E VERSTAPPEN LIDERA F1 2021 | Paddock GP #260

Fernando Alonso saiu do GP da Rússia, há algumas semanas, irritado com o fato de muita gente pedir punição a ele por sair da pista na largada e faltar, no entendimento do bicampeão, o mesmo apelo para punir Lando Norris pelos eventos pós-aparecimento da chuva. Alonso chegou a acusar a tomada de decisão técnica da FIA de ter dois pesos e duas medidas e deixou claro que acredita que tal distinção se dá a favor dos ingleses. Após o GP da Turquia, o diretor-técnico Michael Masi negou tudo.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Masi foi questionado por membros da imprensa espanhola sobre o que Alonso dissera. O diretor da FIA fez questão de deixar bem claro que considera o bicampeão equivocado.

"Não me preocupo com as acusações. Todos os pilotos têm o direito a própria opinião, mas as regras são as mesmas para todo mundo", afirmou ao jornal espanhol Marca.

"Os comissários são um corpo independente e avaliam os incidentes por conta própria. Fazem isso e, com toda a informação e dados que conseguem recolher, tomam sua decisão", finalizou.

Alonso se desculpa com Mick Schumacher após a corrida; piloto espanhol tocou no alemão em disputa na pista (Foto: Reprodução)

Paddockast #124: Quem é favorito em cada pista que resta na F1 2021?

Alonso ficou irritado na Rússia sobretudo por ter sido chamado a se explicar na sala dos comissários e lembrou que vários carros fizeram a mesma coisa no GP da Áustria de alguns meses e ninguém teve de se explicar.

Mesmo após as reclamações, Alonso foi punido na Turquia e se envolveu em dois acidentes nas primeiras duas voltas. Inicialmente, rodou na largada após ser tocado por Pierre Gasly - que foi considerado culpado pela FIA e punido - e depois foi ele próprio quem estocou Mick Schumacher na tentativa de ultrapassar a Haas e ficou com a punição de 5s. Mais tarde, admitiu que cometeu mesmo um erro no momento.

A F1 segue em dois fins de semanas, nos dias 22-24 de outubro, nos Estados Unidos.

F1 NA TURQUIA: BOTTAS LEVA NA TURQUIA E VERSTAPPEN RETOMA PONTA. HAMILTON É 5º

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade