PUBLICIDADE
Logo do Atlético-GO

Atlético-GO

Favoritar Time

Atlético-GO vence o Brusque e tem vantagem na Copa do Brasil

Gol de Luiz Fernando, aos 30 minutos do 2º tempo, garante vitória na Arena Joinville

1 mai 2024 - 18h09
(atualizado às 18h09)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Luiz Vieira / Esporte News Mundo

O Atlético-GO deu um passo importante para se classificar às oitavas de final da Copa do Brasil 2024. Jogando na Arena Joinville, o Dragão venceu o Brusque, voltou a vencer após quatro jogos de jejum (todos no Brasileirão) e deu um passo importante para se manter no torneio nacional. Luiz Fernando, no segundo tempo, marcou o gol da vitória do time goiano em solo catarinense. A partida de volta ocorre na quarta-feira (22), às 19hrs, no estádio Antônio Accioly. Qualquer empate é suficiente para classificar o time de Jair Ventura a próxima fase. Vitória simples do Brusque força os pênaltis.

Brusque é melhor em 1º tempo de pouca inspiração

Quem esperava um Atlético-GO com sua força máxima, se enganou, ainda que levemente. O técnico Jair Ventura surpreendeu ao dar ao meia Danielzinho e ao atacante Derek (autor do gol no empate contra o Internacional pelo Brasileirão) as vagas de titulares. Este último, inclusive, tomou a vaga de titular do uruguaio Emiliano Rodríguez que, após sequência de gols e boas apresentações, tomou a vaga de titular que foi rapidamente ocupada por Vagner Love no primeiro tempo.

Mandante apenas por tabela, o Brusque tentou fazer as honras da "casa" e pressionar o Atlético-GO no 1º tempo. Após controle do Dragão nos primeiros quinze minutos, mas sem ameaçar o goleiro Matheus Nogueira, o Quadricolor cresceu e, aos 18 minutos, quase abriu o placar em chute perigoso de Dionísio. Ronaldo fez bela defesa e salvou o Atlético-GO. No minuto seguinte, foi a vez de Potiguar testar o goleiro do Dragão que, mais uma vez, se saiu bem. A melhor chute do time de Jair Ventura foi com Daniel, a surpresa na escalação. Ele, aos 24, finalizou rente a trave e quase abriu o placar. E foi só, com um 0 x 0 justo.

2º tempo é melhor, ídolo decide e Atlético-GO fica perto das oitavas de final

Insatisfeito com o que o seu time apresentou no primeiro tempo, o técnico Jair Ventura promoveu as entradas de Rhaldney e Gabriel Barros nos lugares de Baralhas e Shaylon, respectivamente. E deu certo, já que o Atlético-GO melhorou no jogo e passou a agredir mais o gol do Brusque. Ainda sim, os catarinenses voltaram melhores do intervalo e, em chutes de Serrato, Osman e Olávio quase abriu o placar. Este último, inclusive, obrigou o goleiro Ronaldo a fazer uma defesaça. Mais uma. Se defensivamente o time sofria mais do que o necessário, ofensivamente, um ídolo começava a dar as caras.

Luiz Fernando estava, até então, apagado no jogo, até a metade do 2º tempo. Aos 15 minutos, ele passou a ser mais acionado pelo ataque do Atlético-GO e quase deu a Derek uma chance primorosa de abrir o placar. Porém, o passe, possível após arrancada em cima de Potiguar, não chegou no novato por bote certeiro de Alex Ruan. Aos 17, Luiz girou bem para cima da defesa e, na hora do chute, foi bloqueado pelo goleiro Matheus. Porém, aos 30, ninguém parou o atacante do Dragão. Gabriel Barros iniciou jogada e tocou para Luiz, que cortou para dentro e chutou no canto direito. 1 x 0 para o Atlético-GO. No fim, Rodríguez perdeu chance clara de ampliar a vantagem. Nada, porém, que atrapalhasse a vitória.

Bem na Copa do Brasil, Atlético-GO quer recuperação no Brasileirão

O Atlético-GO volta suas atenções para o Brasileirão. Com apenas um ponto em quatro jogos, sem vencer e na zona de rebaixamento para a Série B, o Dragão visita o Juventude, na próxima segunda-feira (6), às 20h. A bola rola no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade