PUBLICIDADE

Petrobras (PETR4) atualiza valor por ação a ser pago em dividendos

14 jun 2024 - 10h51
(atualizado às 14h34)
Compartilhar
Exibir comentários
Petrobras. Foto: iStock
Petrobras. Foto: iStock
Foto: Suno

Nesta quinta-feira (13), a Petrobras (PETR4) atualizou o valor da segunda parcela dos dividendos referentes ao balanço de 31 de dezembro de 2023, a serem pagos no próximo dia 20. A correção foi feita com base na taxa Selic.

Os dividendos da Petrobras calculados de acordo com a aplicação da fórmula da Política de Remuneração aos Acionistas serão pagos aos investidores que detinham ações da Petrobras no dia 25 de abril. Já os dividendos extraordinários serão pagos a quem tinha papéis da estatal no dia 2 de maio.

Já para os detentores de ADRs da Petrobras negociados em Nova York, o pagamento ocorre a partir do dia 27 de junho. Os dividendos serão pagos aos investidores que detinham ADRs da petroleira no dia 29 de abril, enquanto os dividendos extraordinários têm o dia 6 de maio como data acionária de referência.

Os valores brutos dos proventos vêm sendo corrigidos pela taxa Selic desde 31 de dezembro do ano passado até o próximo dia 20 de junho, quando ocorrerá o pagamento.

Confira o valor atualizado dos dividendos

Petrobras (PETR4) irá perfurar novos poços do pré-sal em 2025

A Petrobras (PETR4) se prepara para explorar, no ano que vem, novos poços do pré-sal que poderão ser "o futuro da bacia de Campos", disse no Macaé Energy 2024 o gerente-geral da Unidade de Negócios da Petrobras na bacia de Campos (UN-BC), Alex Murteira Celem.

Segundo ele, a exploração da Petrobras se junta aos investimentos na revitalização dos campos maduros e no descomissionamento de antigas plataformas na região.

O evento, que termina nesta quinta, é realizado pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), Sebrae RJ e Prefeitura de Macaé. A presidente da Petrobras, Magda Chambriard, também vice-presidente do Conselho Empresarial de Petróleo e Gás da Firjan, participou do evento por videoconferência.

"A região Norte Fluminense sempre teve uma enorme relevância para o setor de óleo e gás e a nossa cadeia de fornecedores, sediando parte significativa da nossa produção e logística. Tenho certeza de que este evento representa um marco da retomada de Macaé e de toda a região, tornando-se um centro de discussões sobre o nosso setor e consolidando a cidade como um hub de negócios para o mercado", disse Magda, presidente da Petrobras.

Suno
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade