0

Já viu? Novo aplicativo mistura loja online e rede social

Yop é novo app disponível no Brasil

  • separator
  • 0
  • comentários

Um novo aplicativo gratuito que mistura loja online e rede social chegou ao Brasil no mês passado. Foi formulado para troca de informações e para a venda e compra de produtos novos ou usados, uma espécie de brecho móvel. “É quase um Instagram onde você pode vender coisas”, explica o porta-voz do aplicativo no Brasil, Flavio Maria.

Yop já teve 2 milhões de downloads no Brasil
Yop já teve 2 milhões de downloads no Brasil
Foto: Divulgação

Como funciona?
O funcionamento do Yop é parecido com o de outras redes sociais, como Instagram, Facebook e Pinterest. No app, qualquer pessoa ou empresa pode vender e comprar produtos. O cadastro é feito pelo login do Facebook ou de uma conta Google.
Para vender um produto, o usuário precisa tirar de uma a quatro fotos do item com o celular, adicionar uma descrição e o preço. Também é possível compartilhar os produtos nas redes sociais gratuitamente.
 
A empresa diz que um dos grandes diferenciais do app é ter seu próprio “WhatsApp”, um chat integrado ao aplicativo em que os usuários podem conversar, negociar produtos diretamente com os vendedores e fazer uma oferta de compra.
 
A busca dos produtos pode ser feita por geolocalização e os usuários acompanham as atividades dos amigos por meio de um feed vinculado à conta. O aplicativo também permite ao comprador curtir seus itens favoritos, comentar sobre eles e seguir os melhores vendedores.

Aplicativo já operava na Argentina, México e Colômbia
Aplicativo já operava na Argentina, México e Colômbia
Foto: Divulgação

Sistemas de pagamento
O download do app é gratuito, e a empresa não cobra taxa sobre as operações feitas através do aplicativo. O usuário só pagará se desejar usar o sistema de pagamento do próprio Yop, que exige um cadastro do comprador e do vendedor.
 
Após a confirmação da venda, o vendedor só terá disponível o dinheiro do produto depois que o comprador confirmar o recebimento do item. Ao final da compra, o usuário pode fazer uma avaliação da sua experiência e do produto, deixando um feedback aos vendedores e dando um voto positivo, negativo ou neutro.
 
“É uma forma de o consumidor ficar seguro. Fora isso, não interferimos nas formas de pagamento entre os usuários”, afirma Flavio Maria.
 
Interação
Apesar de funcionar como um mercado online, Flavio Maria explica que o app é mais uma rede social do que um ambiente de compra e venda, e que não considera outros aplicativos de market place (como OLX, por exemplo) seus concorrentes.
 
“A ideia sempre foi criar uma plataforma para as pessoas se comunicarem, se conhecerem. Todo nosso produto foi desenvolvido em torno dessa estrutura”, afirma Flavio.
 
O Yop é gratuito e está disponível nas plataformas iOS e Android. Já operava na Argentina, no México e na Colômbia, desde agosto desse ano. Tem 2 milhões de downloads e 500 mil usuários ativos no Brasil.

Fonte: Canarinho Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade