1 evento ao vivo

Saiba como reconhecer um smartphone falso à venda na web

É preciso ficar atento a detalhes como aparência do aparelho e selo da Anatel

  • separator
  • 0
  • comentários

Vai comprar um smartphone pela internet? Fique atento! Smartphones são hoje um dos produtos mais procurados por consumidores na web, e a pirataria se aproveita disso para vender falsificados.

Para identificar um produto falsificado, preste atenção nas funções do aparelho: geralmente, são incompletas e mais lentas
Para identificar um produto falsificado, preste atenção nas funções do aparelho: geralmente, são incompletas e mais lentas
Foto: Kostenko Maxim/Shutterstock

Alguns clientes caem nessas frias porque, geralmente, os preços são muito mais baixos do que os valores de itens originais - e pode ser muito tentador comprar um “mesmo” produto por menos da metade do preço.
 
No fim das contas, é aquela velha frase que estamos acostumados a ouvir: o barato sai caro. Objetos falsificados não são fabricados dentro das mesmas condições, e, em caso de defeito, o comprador não poderá recorrer à assistência técnica da marca original do produto.
 
Para não cair em ciladas, confira nossas dicas para identificar um smartphone falso à venda pela internet:
 
1- Desconfie de preços muito baixos
Aparelhos falsos são fabricados com peças baratas e de baixa qualidade, por isso podem ser vendidos a um preço inferior ao de um produto original. Se você se deparar com uma mercadoria que custa metade do preço, desconfie.
 
Nesse caso, leia atentamente as características do produto, ligue para a central de atendimento (a empresa é obrigada a oferecer dados para contato; se nem isso aparecer no site, fique ainda mais atento) para tirar dúvidas e questione a origem do produto.
 
2 - Confira o selo da Anatel
Assim que você receber a encomenda e abrir a embalagem, confira se o aparelho possui o selo de certificação da Anatel.
 
As fabricantes de celulares precisam submeter seus dispositivos à homologação da Anatel antes de fabricá-los. O smartphone deverá apresentar atrás de sua bateria ou no manual do usuário um selo com o logotipo da Anatel.
 
3 - Verifique detalhes da aparência dos telefones
Alguns produtos falsificados podem ser bem parecidos com os originais. Falsificadores podem imitar até mesmo detalhes dos aparelhos.
 
Mas ao comparar com mais atenção, você poderá identificar diferenças entre um produto original e um falso. A localização dos botões, por exemplo, tamanho ou formato do smartphone, e o traço do nome da marca são detalhes para prestar atenção.
 
4 - Compare as especificações técnicas
Nos sites de vendas de aparelhos é possível encontrar as especificações técnicas do produto, como disponibilidade de cores, capacidade de memória, quantidade de megapixels da câmera, qualidade da tela e sistema operacional.
 
Compare essas informações com as especificações disponíveis nos sites oficiais das fabricantes. Qualquer diferença pode indicar que o smartphone é falsificado.
 
5 - Exija garantia e nota fiscal do aparelho
Celulares falsificados geralmente não oferecem garantia ou assistência técnica especializada. Lembre-se de exigir esses dois serviços. Se o fornecedor informar que não disponibiliza garantia ou suporte ao cliente, desconfie. Também é importante exigir nota fiscal no momento da compra.
 
6 - Confira o número IMEI
IMEI é o número internacional de identificação do aparelho (Identificação Internacional de Equipamento Móvel, na sigla em inglês). Todo produto original tem um número de série para cadastrá-lo junto às operadoras.
 
O número IMEI fica na embalagem do produto, sob a bateria. Você também pode checar o IMEI ao pressionar *#06# no telefone. Antes de fazer a compra pela internet, solicite ao vendedor que lhe passe o número IMEI do telefone. Modelos falsificados não têm um número IMEI ou usam um falso.

Fonte: Canarinho Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade