PUBLICIDADE

Ações da China recuam após manutenção da taxa de empréstimo de referência

20 abr 2021
0comentários
Publicidade

As ações da China caíram nesta terça-feira, uma vez que os investidores realizaram lucros após fortes ganhos no dia anterior, mas as perdas foram limitadas depois que o país manteve sua taxa referencial de empréstimo, aliviando preocupações sobre um possível aperto da política monetária.

Corretora em Xangai. REUTERS/Aly Song
Corretora em Xangai. REUTERS/Aly Song
Foto: Reuters

A China manteve sua taxa básica de juros para empréstimos corporativos e às famílias pelo 12º mês consecutivo em sua reunião de abril nesta terça-feira, ficando de acordo com as expectativas do mercado.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,07%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,13%.

As empresas de consumo discricionário tiveram o maior peso no dia, com o subíndice do setor caindo 0,88%. O subíndice financeiro perdeu 0,23%, enquanto o índice imobiliário caiu 0,97%.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,97%, a 29.100 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,10%, a 29.135 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,13%, a 3.472 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,07%, a 5.083 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,68%, a 3.220 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,35%, a 17.323 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,55%, a 3.192 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,68%, a 7.017 pontos.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade