PUBLICIDADE

Reality Shows

Ex-BBB Matteus diz ter sido vítima de "maldade" em exposição de fraude em cotas

Vice-campeão do Big Brother Brasil 24 fez desabafo sobre polêmica racial durante evento em sua cidade natal, Alegrete

16 jun 2024 - 14h26
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Divulgação/Globo / Pipoca Moderna

O ex-BBB Matteus Amaral desabafou sobre as dificuldades enfrentadas após a revelação de que utilizou cotas raciais para ingressar na universidade. O caso de fraude no vestibular do Instituto Federal Farroupilha (IFFAR), ocorrido em 2014, revelou que ele se autodeclarou preto para conseguir uma vaga no curso de Engenharia Agrícola. Durante um evento em sua cidade natal, Alegrete (RS), durante o sábado (15/6), Matteus afirmou que a exposição do crime de falsidade ideológica foi "maldade".

Declarações de Matteus Amaral

"Eu confesso que agora não é fácil lidar com tudo o que estou vivendo, teve agora por último uns acontecimentos que foram coisas que as pessoas com maldade querendo fazer… enfim", disse Matteus durante o 8º Seminário de Benzedores.

Ele aproveitou a ocasião para agradecer o apoio recebido dos fãs durante sua participação no reality e após a revelação do escândalo. "Eu quero agradecer do fundo do meu coração por tudo o que estou vivendo, agradecer por todas as pessoas que fazem de tudo por mim para tornar as coisas melhores, agradecer a Deus por esta oportunidade de estar vivo, ter saúde, de ter minha família e pessoas tão incríveis ao meu redor", completou.

Matteus culpou "um terceiro" pelo crime

Após a confirmação do IFFAR sobre a fraude, Matteus se manifestou em suas redes sociais, atribuindo a culpa a terceiros. "Recentemente, surgiram informações de que, em 2014, fui inscrito no curso de Engenharia Agrícola no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha sob a modalidade de cotas para pessoas negras. Esta nota tem como objetivo esclarecer as circunstâncias dessa inscrição e expressar minha posição a respeito", escreveu ele.

"A inscrição foi realizada por um terceiro, que cometeu um erro ao selecionar a modalidade de cota racial sem meu consentimento ou conhecimento prévio. Lamento profundamente qualquer impressão de que eu tenha buscado beneficiar-me indevidamente dessa política, o que nunca foi a minha intenção", explicou Matteus.

Ele concluiu reafirmando seu arrependimento e compromisso com a igualdade racial e social. "Reafirmo meu arrependimento por quaisquer transtornos causados e meu compromisso contínuo em ser um defensor ativo da igualdade racial e social. Agradeço a oportunidade de esclarecer o assunto e peço desculpas por qualquer mal-entendido que possa ter ocorrido", finalizou.

Caso está no Ministério Público

Recentemente, o Ministério Público recebeu uma denúncia formal de falsidade ideológica contra Matteus. O ativista Antonio Isuperio, que trabalha em uma instituição internacional de Direitos Humanos, foi quem protocolou a denúncia. Ele solicitou que o ex-BBB seja responsabilizado criminalmente e que a instituição de ensino seja investigada por negligência.

De acordo com o Código Penal, a falsidade ideológica em documento público pode resultar em pena de reclusão de cinco anos e multa.

Para complicar ainda mais a situação do ex-BBB, no sábado (15/6) foi revelado que, além de se autodeclarar preto para ingressar em uma universidade pública, ele também recebeu ilegalmente dinheiro do governo federal. Segundo o colunista Paulo Cappelli, Matteus se inscreveu no programa Bolsa Permanência, destinado a estudantes quilombolas, indígenas e aqueles em situação de vulnerabilidade socioeconômica, para custear seu curso de Engenharia Agrícola no Instituto Federal Farroupilha (IFFAR). Para receber o benefício, o namorado de Isabelle Nogueira preencheu um formulário afirmando que sua renda familiar per capita não ultrapassava 1,5 salário mínimo, o que foi aceito pelo Ministério da Educação na época.

Além de Matteus, sua mãe, Luciana Amaral, também se autodeclarou preta para cursar a mesma universidade.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade