1 evento ao vivo

Os 10 momentos em que temos orgulho de ser nerds

Antigamente, ser chamado de nerd era ofensa. Ainda bem que os tempos mudaram! Confira 10 motivos pelos quais temos orgulho do título:

25 mai 2018
18h09
atualizado em 26/5/2018 às 12h36
  • separator
  • comentários

Não existe época melhor para ser nerd . Gostos que antes pareciam ser tão peculiares, hoje estão em filmes de gigante bilheteria ao redor do mundo, em videogames que faturam milhões de dólares e até mesmo em videoclipes com a Celine Dion.

Nerds? Geeks? Sim, com muito orgulho!
Nerds? Geeks? Sim, com muito orgulho!
Foto: SDShooter | Visualhunt.com | CC BY-NC-ND

No dia de hoje, 25 de maio, é comemorado o Dia da Toalha, para celebrar a vida de Douglas Adams , o autor da série de livros O Guia do Mochileiro das Galáxias. Para muita gente, esse é um ótimo momento para levantar a bandeira e ter orgulho de ser nerd. Para comemorar, então, juntamos dez momentos que só quem carrega o título consegue entender.

Ir à estreia de um filme muito esperado... Quem nunca?
Ir à estreia de um filme muito esperado... Quem nunca?
Foto: Cinema-V / Reprodução

1. O ritual de ir na pré-estreia de um filme

Para o nerd, a estreia de um filme muito esperado passa a ser um grande evento. Não basta comprar o ingresso e estar ali, é preciso comprar o balde de pipoca do personagem principal, chegar horas antes para debater com outros fãs e vibrar MUITO nas melhores cenas. E quem disse que o filme acaba nos créditos? Além de esperar até o último segundo por filmagens extras, ainda serão feitas postagens nas redes sociais cheias de críticas e, muito provavelmente, a volta ao cinema para ver tudo de novo.

Se é pra fazer, vamos fazer direito!
Se é pra fazer, vamos fazer direito!
Foto: Canal Rosanna Pansino / Reprodução

2. Empenhar-se ao máximo em tudo

Uma das maiores qualidades de um nerd é a de realmente se empenhar naquilo que faz, não importa o que seja! Coloque um livro de receitas em sua frente, e a cozinha se transformará em um enorme laboratório. Planejar viagens? Com um nerd no grupo, pode ter certeza de que tudo será extremamente planejado, com dias, horários e até mesmo previsões de tempo e gastos. Se tudo vai dar certo ou não, aí já são outros quinhentos.

Ler não é problema. Parar de ler é o problema!
Ler não é problema. Parar de ler é o problema!
Foto: Najeebkhan2009 | Visualhunt.com | CC BY-NC-SA

3. Ler até rótulos de shampoo por diversão

Quando pequeno, um nerd será diferente dos colegas na sala de aula. Ele não necessariamente será extremamente inteligente e tirará notas muito altas, mas provavelmente terá uma grande paixão: a leitura. Seja com livros de ficção, mestrando partidas de RPG, histórias em quadrinhos ou jogos eletrônicos, são horas e horas desenvolvendo habilidades que serão utilizadas para o resto da vida. Enquanto os pais das outras crianças estiverem brigando para que eles tentem se dedicar um pouco por dia para a leitura, os pais do nerd estarão entrando em desespero por não haver mais armários para guardar tanta coisa.

Jogando videogame? Não, estamos estudando. Sério!
Jogando videogame? Não, estamos estudando. Sério!
Foto: Włodi | Visualhunt.com | CC BY-NC-SA

4. Aprender com jogos de videogame

Já é mais do que sabido que os jogos de videogame não servem somente para entreter. Além das suas enormes e bem construídas histórias, é possível desenvolver habilidades únicas, que vão desde a velocidade de raciocínio, o planejamento, a paciência e ― vejam só! ― outras línguas. E se alguém vier acusar o nerd de ser sedentário e não se exercitar… é só colocar Just Dance no aparelho e requebrar o esqueleto!

Conhecemos todos!
Conhecemos todos!
Foto: Verge / Reprodução

5. Saber usar aparelhos tecnológicos em segundos

Se um novo aparelho revolucionário for anunciado, o nerd estará sabendo. Mas não somente isso, ele saberá detalhar o seu funcionamento, dar exemplos do quão prático (ou não) ele será para a humanidade e até mesmo indagará o seu impacto na sociedade e suas próximas versões. Por conta dessa paixão e gosto por tudo o que é moderno, é só dar algo que tenha telas e botões em sua mão para que ele já saia usando. É claro que tudo isso vem com um lado negativo: o nerd será sempre o procurado para ensinar a tia a mexer no celular.

Se não for pra ir ver Deadpool no cinema assim... Nem vou!
Se não for pra ir ver Deadpool no cinema assim... Nem vou!
Foto: Greyloch | Visualhunt.com | CC BY-SA

6. Fazer cosplay e entrar no personagem

Pode ser que a maior parte das pessoas não entenda o que é o cosplay, e até mesmo tire sarro de quem se veste de outros personagens. Mas só o nerd sabe o quão incrível é colocar roupas e maquiagens diferentes e entrar na pele de alguém que não existe no mundo real. Além de ser um ótimo exercício de interpretação, é um momento de descontração e fantasia, onde tudo é permitido e os limites são a própria imaginação. Vai me dizer que não é super legal ir em um evento e tirar uma foto com o Homem de Ferro ?

Ele conhece. Ele sabe do que tá falando...
Ele conhece. Ele sabe do que tá falando...
Foto: Wizards of the Coast / Reprodução

7. Conhecer mais histórias que uma biblioteca

Todo nerd é antenado. Seja por conta de todas as contas em redes sociais, por ler todas as notícias do dia ou por participar de grupos com gostos em comum. Juntando tudo isso com os livros, filmes, séries e tantos outros conteúdos que ele absorve por dia, é ele quem conseguirá contar histórias incríveis, tornando qualquer conversa em um momento memorável. Sabe aquela ideia de que o nerd nunca deve ser convidado para uma festa? É melhor rever esse conceito.

Você queria que seu quarto fosse assim, não queria?
Você queria que seu quarto fosse assim, não queria?
Foto: Gizmodo Australia / Reprodução

8. Morar em um parque de diversões

Action Figures (que não são bonequinhos), pôsteres de filmes, consoles de videogame, televisões gigantes, jogos de tabuleiro, centenas de histórias em quadrinhos… a casa de um nerd é uma verdadeira central de entretenimento. Não é à toa que ele prefere o conforto do seu sofá a algumas horas de pé na balada ― tem tanta coisa para fazer no seu próprio canto que não há tantas vantagens do lado de fora. O único problema é quando o filho do amigo do trabalho resolve brincar com as suas coisas...

Sábado à noite é dia de balada, de cair na noite de... maratonar séries!
Sábado à noite é dia de balada, de cair na noite de... maratonar séries!
Foto: Shemazing.net / Reprodução

9. Conseguir economizar com mais facilidade

Se a casa do nerd é tão atrativa, e seus programas quase sempre envolvem idas ao cinema, livrarias, restaurantes e reunir os amigos em casa, ele dificilmente gastará tanto dinheiro quanto as outras pessoas. Comprar roupas novas, ir em casas de shows, gastar fortunas em uma única noite fora? Pode até acontecer ocasionalmente, mas além de ser algo planejado, ainda será facilmente descartado quando houver a opção de algo mais caseiro e barato. As coisas só vão desandar se no mesmo mês muitos jogos, filmes e histórias em quadrinhos forem lançados… afinal de contas, ser nerd no Brasil não é nada barato.

Seja você!
Seja você!
Foto: Christandpopculture.com / Reprodução

10. Orgulhar-se de quem é

Pode ser que você, nerd, não se encaixe com tudo o que foi descrito acima. Quem sabe, alguma coisa ou outra traga alguma identificação, ou até mesmo nada do que foi falado. Isso não importa. O nerd de verdade é aquele que tem gostos e vontades únicas, e não tem vergonha alguma disso. Não é preciso ter platinado Skyrim para se consagrar nerd, aliás, não precisa realizar qualquer feito tão extraordinário. Basta ser e entender que, assim como qualquer gosto que não faz mal ao outro, você precisa se orgulhar disso. Parabéns pelo seu dia, vida longa e próspera, que a Força esteja com você e lembre-se de agradecer sempre pelos peixes!

Geek

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade