2 eventos ao vivo

‘Fuga’ traz história de refugiado no formato de animação

Documentário será exibido nesta quinta na abertura do festival 'É Tudo Verdade'

8 abr 2021
09h00
atualizado às 09h37
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Não se engane nos primeiro minutos de ‘Fuga’: o filme é um documentário, e não uma animação ficcional. Mas o vencedor do Festival de Sundance deste ano surpreendeu não apenas pelo formato inusitado, mas pelo tema escolhido: a história de um refugiado homossexual do Afeganistão, Amin Nawabi, que precisou enfrentar uma série de batalhas para fugir de seu país e se estabelecer definitivamente na Dinamarca.

O filme faz parte da programação da 26ª edição do festival É Tudo Verdade, e será exibido nesta quinta-feira (8), às 21 horas, na plataforma Looke.

Animação 'Fuga' venceu o prêmio de melhor documentário no Festival de Sundance em 2021
Animação 'Fuga' venceu o prêmio de melhor documentário no Festival de Sundance em 2021
Foto:

Amin não é o nome verdadeiro do protagonista desta história. O diretor Jonas Poher Rasmussen, que é seu amigo próximo e estudou com o afegão na faculdade, optou por trocar os nomes verdadeiros e usar a animação exatamente para preservar a identidade dos retratados.

Isso porque Amin luta com um segredo doloroso que manteve escondido por vinte anos, e que agora decide contar na frente das câmeras. Em sua vida atual, na Dinamarca, ele conta para todos que toda a sua família foi morta no Afeganistão - mas a verdadeira história é uma jornada épica digna de um filme de ficção.

Veja também: 5 filmes para ver no festival 'É Tudo Verdade 2021'

O documentário acompanha a trajetória de Amin desde a infância nos anos 80, sendo gay em um país conservador; a fuga da família para a Rússia, onde viveu de forma ilegal e precisou lidar com a corrupção da polícia; e as inúmeras tentativas de entrar na Europa ocidental com o auxílio de traficantes de pessoas. Mas, como se sabe, entrar ilegalmente no continente pode ser um desafio e tanto - viagens arriscadas de barco já tiraram a vida de muitos refugiados e imigrantes.

Filme conta a história de Amin, um refugiado afegão que tenta chegar à Europa
Filme conta a história de Amin, um refugiado afegão que tenta chegar à Europa
Foto:

Em alguns momentos, a animação parece reproduzir as imagens que foram captadas pela câmera - como no caso da entrevista íntima que o diretor fez com o seu colega de faculdade. Em outros, funciona como uma reconstituição e um flashback que recupera os momentos mais importantes e decisivos da vida de Amin e de sua família. Além disso, o filme também utiliza imagens de arquivo para ilustrar o contexto social e político que serviu como pano de fundo da história.

A junção de uma jornada cheia de reviravoltas com os recursos utilizados pelo diretor faz com que ‘Fuga’ seja um filme extremamente relevante, atual e, ao mesmo tempo, íntimo e emocionante. Partindo de uma narrativa individual, conseguimos sentir a dor e o sofrimento de milhares de famílias refugiadas que precisam se submeter a condições degradantes e viagens perigosas para conseguir uma vida melhor.

Veja também:

Danna Paola: Dublar Raya foi realização de um sonho
Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade