PUBLICIDADE

Afetado por câncer, Val Kilmer teve voz recriada no novo "Top Gun"

23 mai 2022 16h48
ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/Paramount / Pipoca Moderna

"Top Gun: Maverick", que estreia nesta quinta (26/5) nos cinemas brasileiros, é uma continuação do clássico "Top Gun: Ases Indomáveis", de 1986. E além de Tom Cruise como Maverick, a produção resgata outro ator do filme original: Val Kilmer.

O intérprete de Iceman era o rival de Maverick no longa original e uma aparição breve no novo filme. Mas para isso acontecer, o ator precisou contar com a ajuda da tecnologia, já que sua voz foi afetada por um câncer na garganta e precisou ser recriada artificialmente, com a utilização de arquivos de áudio do próprio Kilmer.

Grande amigo de Val Kilmer, Tom Cruise contou que "realmente lutei muito para que ele fizesse o filme". O astro de Hollywood quis que a gravação da cena do colega fosse um dia especialmente comovente para ele e sua família, e convidou seus parentes a assistir ao trabalho no set.

"Foi emocionante e muito especial para meu pai estar no set com todos os amigos que fizeram este filme quando tinham a minha idade", disse Mercedes Kilmer ao jornal The New York Post. Val Kilmer, hoje com 62 anos, interpretou Iceman pela primeira vez aos 26 anos.

"Eles conseguiram dublá-lo com sua própria voz, o que é incrível", destacou Mercedes. "É um feito tão técnico, ser capaz de projetar a voz dele dessa maneira, e não deixa de ser uma extensão dos feitos técnicos deste filme."

A cena do ator foi a que rendeu maior comoção durante a première do filme na semana passada no Festival de Cannes, finalizada com aplausos de cinco minutos do público.

Kilmer teve uma longa batalha com o câncer, que lhe deixou sequelas. Ele chegou a usar um tubo de alimentação para comer, o que fez com que perdesse a capacidade de vocalizar.

Parte dessa história está contada no documentário autobiográfico "Val", disponibilizada na plataforma Amazon Prime Video, que também relembra o auge de sua carreira, quando era galã e estrela de blockbusters como "Top Gun" (1986), "Willow" (1988), "The Doors" (1991) e "Batman Eternamente" (1995).

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade