0

Nada a Perder: Filme sobre o bispo Edir Macedo já vendeu 2 milhões de ingressos em pré-venda

Surpresos ou não com os números alcançados pelo próximo filme do grupo Record?

28 fev 2018
15h46
  • separator
  • comentários

Cinebiografia do líder religioso Edir Macedo, o filme Nada a Perder - Contra Tudo. Por Todos nem chegou aos cinemas, mas já vendeu 2 milhões de ingressos em apenas 10 dias de pré-venda. Com previsão de estrear dia 29 de março em aproximadamente 1.300 salas do Brasil — mais de 40% de todo o circuito do país —, a produção já se tornou, antes mesmo de ser lançada, o segundo longa brasileiro de maior público em 2018, atrás apenas de Fala Sério, Mãe!, que já alcançou um público de 2,4 milhões de pessoas neste ano.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Estrelado por Petrônio Gontijo, o drama já possui circuito de exibição confirmado na América Latina, Angola e África do Sul, além do lançamento em maio nos cinemas do México e Estados Unidos, segundo o Filme B. A obra é primeira parte de dois longas que foram adaptados da trilogia de livros autobiográficos do bispo evangélico e foi realizada com 100% de capital privado, somando R$ 40 milhões de orçamento para os dois longas.

Nada a Perder - Contra Tudo. Por Todos foi roteirizado por Stephen P. Lindsey (Sempre ao Seu Lado). A roteirista foi uma figura essencial para lançar um olhar imparcial sobre a trama e não engrandecer Macedo, segundo a produtora executiva Renata Rezende. A direção é de Alexandre Avancini, responsável por Os Dez Mandamentos - O Filme, controverso longa de maior bilheteria nacional e de público de todos os tempos. Controverso devido ao fato de na época do seu lançamento, em 2016, os ingressos estarem esgotados e as salas vazias.

Nada a Perder - Contra Tudo. Por Todos teve seus direitos de exibição comprados pela Netflix e chegará à plataforma três meses depois do seu lançamento nos cinemas. Nada a Perder - Parte 2 tem previsão de chegar aos cinemas dia 18 de abril de 2019.

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade