PUBLICIDADE

Billie Eilish faz relato íntimo de sua vida em novo livro

'Billie Eilish: In Her Own Words' inclui fotos nunca vistas de Eilish a partir da infância e relatos íntimos da cantora

11 mai 2021 15h17
| atualizado às 15h28
ver comentários
Publicidade

A pop star Billie Eilish está oferecendo aos fãs um relato íntimo de sua jornada ao estrelato em um livro novo e um audiolivro separado intitulados Billie Eilish: In Her Own Words.

O volume inclui fotos nunca vistas de Eilish a partir da infância, incluindo uma dela ao piano cantando em um gravador de criança.

Billie Eilish chega para premiação do Oscar em Los Angeles
09/02/2020 REUTERS/Mike Blake
Billie Eilish chega para premiação do Oscar em Los Angeles 09/02/2020 REUTERS/Mike Blake
Foto: Reuters

No audiolivro, ela conta histórias sobre seu primeiro lançamento, Ocean Eyes, e fala do relacionamento especial que tem com os fãs.

"É curioso, tipo, acho que muita gente acha que quando 'Ocean Eyes' saiu, de repente eu era uma superstar e larguei tudo e só fiquei tipo famosa... e não funcionou assim", disse.

"É, minha vida continuou a mesma por um tempo. Eu continuava dançando durante horas e horas todo dia. E ainda estava no coral e fazendo as mesmas coisas que fazia. Estava fazendo aula de circo", disse ela à Reuters.

"Mas para mim foi uma enormidade, e tipo o maior momento da minha vida".

Em 2020, Eilish se tornou a artista mais jovem da história a compor e gravar o tema de um filme de James Bond, seguindo os passos de astros como Adele, Madonna e Paul McCartney.

O disco de estreia da cantora de 19 anos chegou ao topo da parada Billboard 200 em 2015 e teve o recorde de streams em 2019. Neste ano, Eilish ganhou o Grammy de Gravação do Ano por everything i wanted.

O livro será lançado nesta terça-feira, dia 11 de maio.

Veja também:

Bieber, Billie Eilish, Ivete: veja os clipes de janeiro:

 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade