PUBLICIDADE

MC Ryan SP entra em escola pública disfarçado e é levado para diretoria; veja vídeo

Funkeiro causa alvoroço entre alunos em uma sala de aula e, apesar da confusão, deixa recado sobre a importância dos estudos

7 nov 2023 - 12h21
Compartilhar
Exibir comentários
MC Ryan SP entra em escola pública como aluno
MC Ryan SP entra em escola pública como aluno
Foto: Reprodução/Instagram

MC Ryan SP, 21, um dos grandes nomes do funk brasileiro da atualidade, "invadiu" uma escola pública em São Paulo na última segunda-feira (6). Disfarçado como aluno, com caderno na mão e moletom com capuz, ele compartilhou nas redes sociais o passo a passo da brincadeira. 

Dentro de uma sala de aula, não demorou muito para que os estudantes percebessem sua identidade e ficassem animados com a visita inesperada do artista. Por conta do alvoroço, a diretora foi até a sala para verificar o que estava acontecendo. 

No local, MC Ryan foi questionado sobre qual era sua sala. "3º A", mentiu o cantor, que em seguida revelou seu nome. Depois, a diretora questionou o número do suposto aluno, que fica sem saber o que responder. 

O funkeiro acabou sendo levado para a diretoria. Nesse momento, por não ter sido reconhecido logo de cara, ele contou quem era. E o tumulto seguiu quando Ryan foi se despedir dos alunos. "Outro dia eu volto aqui. Amo vocês", disse. "Não fica brava comigo", comentou, ao dar um abraço na diretora.

No Instagram, o artista deixou um recado sobre a importância de ir para a escola. "Vocês, que pararam de estudar, voltem pra escola também. É importante pra caramba ter estudo." E ainda brincou: "Para de faltar e vai estudar. Quem sabe um dia você pode me trombar."

Segundo Ryan, ele foi bem tratado pela diretora e pelos funcionários e pediu a ajuda dos seguidores para encontrar o contato da escola, na intenção de fazer uma doação. 

E como fica a segurança na escola?

O caso do MC Ryan resultou em brincadeira, mas seguidores questionaram a falta segurança e a facilidade de entrar em uma unidade pública.

"Qualquer um entra na escola, ainda bem que é ele e as crianças devem ter adorado. Mas imagina se é alguém com má intenção", disse uma seguidora. "Chega a ser assustador a facilidade do acesso às salas", comentou outra.

Fonte: Visão do Corre
Compartilhar
Publicidade
Publicidade