PUBLICIDADE

Verão: 8 dicas para não passar mal com o calor

O calor já está presente no Brasil, mas no verão as temperaturas devem aumentar. Veja como cuidar da saúde durante o clima quente

8 dez 2023 - 10h01
(atualizado às 18h01)
Compartilhar
Exibir comentários

Já faz algumas semanas que o Brasil está enfrentando um calor intenso. Mesmo após os termômetros baterem recordes de temperatura, esse clima está longe de acabar. Isso porque nem mesmo chegamos ao verão, estação naturalmente mais quente do ano.

Verão: 8 dicas para não passar mal com o calor -
Verão: 8 dicas para não passar mal com o calor -
Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

Calor e saúde vascular

Não é novidade que os riscos para a saúde são muitos, especialmente para a saúde vascular. O motivo é a dilatação dos vasos sanguíneos, o que pode levar à diminuição da pressão arterial e aumentar o risco de desidratação. "Isso pode causar maior esforço para o coração bombear sangue, aumentando a carga sobre o sistema vascular", explica a Dra. Cristienne Souza, médica cirurgiã vascular da Venous.

O calor excessivo também pode resultar em uma condição potencialmente grave que é a hipertermia, na qual  ocorre um aumento drástico da temperatura corporal central, que fica acima de 40 graus, lembra a médica. 

"Em resposta, o organismo aumenta a sudorese para promover o resfriamento, mas essa capacidade de dissipação térmica pode ser comprometida em alguns casos. Isso, combinado com a perda de líquidos através do suor, pode resultar em tonturas, fraqueza, náuseas e até desmaios. Sintomas mais graves podem incluir confusão mental e convulsões", alerta.

Além disso, desmaios em ambientes de calor intenso podem, em alguns casos, estarem  relacionados à síndrome vasovagal. A síndrome é uma resposta do sistema nervoso a estímulos específicos, tais como calor excessivo, desidratação e ficar em pé por longos períodos, por exemplo. 

"Nesse cenário, o corpo responde dilatando os vasos sanguíneos, o que pode levar a uma redução temporária da pressão arterial e, por conseguinte, desmaios", detalha a especialista.

Cristienne salienta ainda que pacientes com diabetes precisam redobrar a atenção nesta época do ano. Isso porque a doença está relacionada à possível neuropatia periférica e comprometimento vascular associados à doença. O calor pode agravar esses problemas, aumentando o risco de úlceras e infecções nos membros inferiores, alerta a médica.

8 dicas para não passar mal de calor

Com as temperaturas elevadas e o calor excessivo, a saúde vascular e todo o organismo ficam sobrecarregados. A médica clínica Venous alerta para sinais como mal-estar, tonturas, náuseas, fraqueza e desmaios - que indicam um sério desequilíbrio do corpo.

Para evitar quadros do tipo, é necessário adotar algumas medidas, como aconselha Cristienne:

  1. Beba água regularmente;
  2. Evite bebidas alcoólicas;
  3. Evite exposição prolongada ao sol;
  4. Use roupas leves;
  5. Eleve as pernas para reduzir inchaços;
  6. Pratique atividade física regularmente - sem se esquecer da hidratação;
  7. Evite banhos muito quentes;
  8. Controle o consumo de sal.

Além disso, se houver suspeita de problemas vasculares, busque  avaliação médica para um diagnóstico adequado e plano de tratamento, alerta a cirurgiã.

Saúde em Dia
Compartilhar
Publicidade
Publicidade