Conheça 25 piscinas naturais pelo mundo

  • separator

Existem lugares no planeta onde a natureza prepara belas piscinas naturais que agradam todos os turistas. Formadas por cachoeiras, rios, e corais no oceano, as 25 piscinas naturais selecionadas pelo Terra o deixarão com vontade de conhecer estes lugares.

Na Toscana, as águas termais formam diversos níveis
Na Toscana, as águas termais formam diversos níveis
Foto: WX / Divulgação

1) Devil's Pool, Cataratas Vitória, Zâmbia The Devil's Pool: a Piscina do Diabo é uma das piscinas naturais mais impressionantes e assustadoras do mundo. Num espaço formado por rochas no rio Zambezi, turistas se banham à beira de uma queda de mais de 100 metros de altura nas Quedas Victoria, na fronteira da Zâmbia com o Zimbábue. O mergulho não é recomendado para pessoas com vertigem, mas a paisagem é incrível.

2) Cascadas de Tat Kuang , Luang Prabang, Laos: as cascadas situadas na floresta de Tat Kuang, próxima à cidade de Luang Prabang, no Laos, formam um lugar idílico e tranquilo. A água cai em diferentes níveis, formando lagoas de águas claras cercadas de vegetação.

3) Praia do Forte, Bahia: a Praia do Forte é uma das mais paradisíacas do litoral baiano, a 70 km de Salvador. Na maré baixa, o mar forma piscinas naturais com águas cristalinas conhecidas como as piscinas de Papa-Gente e Lord.

4) Buraco Azul de Dean, Bahamas: a Buraco Azul de Dean é o maior buraco azul conhecido no mundo, com mais de 200 metros de profundidade no litoral da ilha de Long Island, nas Bahamas. O local é muito apreciado por mergulhadores e foi palco de 25 recordes mundiais de mergulho em profundidade.

5) Lagoa Azul, Islândia: situada na cidade de Grindavik, a 39 km de Reykjavik, capital da Islândia, a Lagoa Azul é uma enorme lagoa com águas termais de até 40°. Forma um spa geotérmico com efeitos relaxantes e alta concentração de algas e sais minerais, eficiente para o tratamento de doenças de pele.

6) Ginnie Springs, Flórida: o parque de Ginnie Springs é um resort turístico a meio caminho entre Ganesville e Lake City, no norte da Flórida. Ali, é possível acampar, e mergulhar em cavernas e rios com águas cristalinas consideradas como as águas mais claras do mundo.

7) Termas de Yangbajain, Tibete: a 87 km de Lasa, capital do Tibete, as Termas de Yangbajain formam belas piscinas naturais com vista sobre as montanhas do Himalaia. A mais de 4.200 metros acima do nível do mar, as Termas de Yangbajain são as mais altas do mundo.

8) Little River Canyon, Estados Unidos: piscinas naturais em meio a belas cascatas são formadas pelo rio Little River, no estado americano do Alabama. A área deste rio, que desce pelas montanhas, é uma área preservada, conhecida como Little River Canyon.

9) Quedas de Havasu, Supai, Arizona: o Parque Nacional de Grand Canyon tem muitas belezas naturais no estado do Arizona. Uma dos cartões-postais mais impressionantes é o das quedas de Havasu, que caem de uma altura de 40 metros, criando piscinas naturais.

10) Pisinas de Maragogi, Alagoas: a 125 km de Maceió, Maragogi é conhecida por suas imperdíveis piscinas naturais. Para chegar até elas é preciso entrar 6,5 km mar adentro, onde formações coralinas formam piscinas em meio a águas rasas e transparentes.

11) Termas de Mabinay, Filipinas: situadas na província de Negro oriental, nas Filipinas, as termas de Mabinay formam lagoas com águas azuis cercadas por vegetação. Turistas gostam de visitar o local para passear de caiaque e dar um mergulho.

12) Lençóis Maranhenses, Brasil: o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses tem 270 km², com belas lagoas de água doce formadas pela acumulação das chuvas. As paisagens são incríveis, numa das áreas mais bonitas do Brasil.

13) Piscinas de Porto Moniz, Portugal: situadas no noroeste da Ilha da Madeira, as Piscinas Naturais de Porto Moniz são piscinas de água salgada formadas pela entrada da água do oceano. As piscinas têm uma área de mais de 3 000 m² para natação com salva-vidas para cuidar da segurança.

14) Lago das águas vivas, Palau: o arquipélago de Palau é formado por um centenar de ilhas na Oceania. Entre suas maravilhas naturais destaca-se seu Lago das Medusas. Este pequeno lago situado numa das ilhas Rocca tinha uma saída para o mar, que se fechou, deixando presas algumas medusas que se reproduziram até dominar as águas. As medusas que habitam o lago são inofensivas, portanto é possível entrar na água.

15) Cenote Zacatón, México: o litoral do México, tem cavernas conhecidas como "cenotes", com centenas de quilômetros de passagens submarinas em águas límpidas. O cenote Zacatón, que faz parte de um grupo de cinco cenotes no litoral da região de Tamaulipas, é um dos mais profundos do planeta, com mais de 330 metros.

16) Gruta Azul, Brasil: a região de Bonito, no Mato Grosso do Sul, é famosa por ter algumas das maiores belezas naturais do Brasil, com inúmeras cachoeiras, rios cristalinos, florestas e cavernas. A Gruta da Lago Azul é uma de suas principais atrações, numa impressionante caverna com estalactites e um lago com águas com um azul intenso.

17) Terraços de Pamukkale, Turquia: no sudoeste da Turquia, os terraços de Pamukkale formam um dos mais belos cartões-postais do planeta. Terraços brancos sobre o vale do rio Menderes, com paredões e piscinas termais com atraem turistas da Turquia e do mundo inteiro pela beleza do panorama, mas também pelas propriedades curativas das águas.

18) Landmannalaugar, Islândia: a Islândia é um país com incontáveis belezas naturais. No sul da ilha, a região de Landmannlaugar tem belas paisagens e trilhas que levam a fontes termais cercadas por paisagens vulcânicas, montanhas, geleiras e cachoeiras.

19) Cascate del Mulino, Itália: A dez quilômetros da pequena cidade de Manciano, na Toscana, as águas aermais de Saturnia têm uma série de cascatas a mais de 37°, formando dezenas de piscinas em níveis diferentes. Além de bonitas, as águas das cascadas de Mulino podem aliviar reumatismos e dores musculares.

20) Samuc Champey, Guatemala: a meio caminho entre Guatemala City e a fronteira com o Belize, Samuc Champey é um enclave natural em meio a montanhas e florestas tropicais. O rio Cahabon flui pela área, criando belas piscinas naturais com águas azuis.

21)Porto de Galinhas, Recife: Porto de Galinhas é um dos principais destinos turísticos do Nordeste, com belas praias e numerosos resorts. Em seu litoral, durante a maré baixa, recifes de coral criam piscinas naturais, com peixes coloridos a poucos metros da areia.

22)Piscinas Pajuçara, Alagoas: a praia de Pajuçara é das mais frequentadas de Maceió, capital de Alagoas. Os turistas são levados de jangada a dois quilômetros do litoral para conhecer estas formações, com águas mornas e cristalinas protegidas por corais.

23) Chapada Diamantina, Bahia: perto de Lençóis, na Chapada diamantina, o rio Serrano e o "salão de areias", corredor formado por rochas, formam piscinas naturais. O Poço Halley e a Cachoeira da Primavera são alguns dos lugares para dar um mergulho em águas selvagens.

24) Col de Bavella, Córsega: a Córsega é uma ilha francesa do Mediterrâneo, com algumas das mais belas paisagens do litoral sul do país. O Col de Bavella, nome dado a picos rochosos a 1 200 de altitude, esconde alguns lugares intocados e protegidos, entre os quais se encontram várias pequenas piscinas naturais.

25) Huanglong, China: Huanglong significa "dragão amarelo" em chinês. O Parque Nacional de Huanglong, leva este nome pela forma de seu vale, que lembra a forma deste animal imaginário. Este parque da província chinesa de Sichuan é composto por sete sítios em altitudes que variam dos 1.700 aos 5.500 metros de altura. O mais destacado de todos é o Vale de Huanglong, a joia do parque com sua vegetação colorida e seus lagos com cores que passam por diferentes tons de verde e azul.

Veja também:

Tender recheado de Natal
Fonte: Terra
publicidade