Você acha que o estresse pode afetar sua saúde bucal?

Você sabia que a irritação do dia a dia não é estresse?

2 jul 2019
16h00
 

 

 

RESPOSTA:

SIM! Na saúde bucal, o estresse pode causar periodontite, bruxismo, halitose, aftas e cáries.

Vale lembrar que o estresse é a resposta psicológica e hormonal para situações que demandam adaptação extrema. Não confunda com a irritação de ter um dia ruim.

O estresse libera hormônios como hidrocortisona e cortisol, além de produzir um alto nível de adrenalina. Essas substâncias são responsáveis por regular funções corporais, como o sistema imune, que pode desencadear efeito pró ou anti-inflamatório. O estresse desencadeia um efeito pró-inflamatório, o que, aliado aos maus hábitos de higiene bucal, tornam o ambiente propício para o aparecimento da doença periodontal e aftas. 

O que prejudica ainda mais a saúde bucal são os maus hábitos que a pessoa estressada tende a adquirir ou aumentar, como o consumo de álcool, tabaco e negligência da higiene oral, que é um prato cheio para a cárie e halitose. A tensão emocional também pode acarretar em bruxismo – ranger dos dentes – que causa desgaste dos dentes, distúrbios na articulação temporomandibular e danos ao tecido gengival e ao osso mandibular.

Para deixar o estresse pra lá
- Tenha boas noites de sono
- Cuide da saúde
- Alimente-se de forma saudável
- Faça atividades físicas
- Tenha momentos de prazer

Foto: Shutterstock.com

 

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
publicidade