Saiba como descobrir se o seu dente está trincado

Por ser praticamente invisível aos olhos humanos, a fratura no dente é difícil de ser diagnosticada

2 mai 2017
08h00

Você já sofreu com uma dor bem localizada em um dos dentes mas não encontrou sinais de cárie ao verificar no espelho? Cuidado. Esse sintoma pode indicar fraturas dentárias. Ao contrário do que parece, um dente trincado é difícil de ser diagnosticado.

Por serem praticamente invisíveis aos olhos humanos, é extremamente improvável que alguém consiga encontrar o problema por conta própria. Algumas vezes, as microtrincas não aparecem nem mesmo em exames específicos, como a radiografia (raio-x).

Foto: YAKOBCHUK VIACHESLAV / Shutterstock.com

Mesmo sem entender a razão, quem tem um dente trincado saber que que tem algo errado. O principal sintoma são dores muito fortes e bem localizadas, que surgem assim que um alimento é mordido ou quando os dentes são expostos à temperatura quente ou fria.

Além de incidentes, alguns maus hábitos, como forçar a mandíbula e mastigar um objeto ou um alimento duro (incluindo balas e até o gelo), podem trincar um dente ou deixá-los mais suscetíveis ao problema. Acidentes severos e traumas violentos também são causadores de fraturas dentárias com muita frequência.

O que fazer se tiver quebrado o dente?

Há vários tipos de tratamentos que o dentista pode adotar para reparar um dente trincado. Entre os principais, estão a coroa, o adesivo ou até mesmo um tratamento de canal.

O método escolhido vai depender de diversos fatores, como a localização e a gravidade da fratura dentária, por exemplo. Por isso, é fundamental marcar uma consulta assim que surgirem os sintomas típicos de um dente trincado.

FF

compartilhe

publicidade
publicidade