Saiba como identificar problemas na mordida do seu filho

A especialista Dra. Fernanda Youssef fala sobre a ortopedia funcional dos maxilares

17 jul 2019
10h00

Redobrar a atenção à mastigação do seu filho pode ajudar no diagnóstico precoce de algum problema. Crianças com problemas na mordida (ou má oclusão) podem enfrentar dificuldade na hora de se alimentar, desgaste e mau alinhamento dos dentes, ATM e dores nas articulações.

Aparelhos auxiliam no tratamento desta área que está cada vez mais modernizada. Fique atento!

1) Como são os tipos de aparelho usados na Ortopedia Funcional dos Maxilares?

Os aparelhos ortopédicos funcionais são removíveis, leves e soltos na boca. Se encaixam das arcadas superiores e inferiores e funcionam como molas, atuando sobre os músculos, dentes e estruturas da face de maneira funcional e fisiológica.

Foto: Livre

2) O tratamento é doloroso?

Os aparelhos ortopédicos exercem forças leves e passivas, sem causar dor, e através de estímulos neuromusculares reestabelecem a correta função orofacial com a remodelação das estruturas ósseas, favorecendo o equilíbrio e a estética buco facial.

3) Quais os tipos de problemas mais frequentes? E como detectá-los?

Mordida Aberta: Quando ocorre um espaço entre dentes superiores e inferiores no sentido vertical, e os dentes não conseguem cortar os alimentos. Crianças que chupam dedo ou chupeta muitas vezes apresentam mordida aberta.

Mordida Cruzada: Ocorre quando um ou mais dentes da arcada superior se encaixam por dentro dos dentes da arcada inferior, unilateral ou bilateralmente. Pode ocorrer por alterações nas proporções ou no posicionamento dos ossos, sendo assim de origem esquelética ou por alterações na forma e/ou posicionamento dentário.

Mordida Profunda: Nos casos em que os dentes superiores recobrem os dentes inferiores de maneira excessiva, ocorrendo situações em que não se enxerga os dentes inferiores ou que estes chegam a tocar o céu da boca. A mordida profunda dificulta os movimentos mastigatórios e está muito associada a problemas articulares.

Apinhamento: Este é um dos problemas ortodônticos mais comuns, ocorrendo pelo mau posicionamento de um ou mais dentes por falta de espaço nas arcadas, o que popularmente chamamos de "dente torto".

 

________________________________________________________________________________________________________

 

Ao atuar precocemente, ainda na dentição decídua (de leite), é possível evitar, além das alterações oclusais, desequilíbrios mastigatórios, atrofias de arcadas, problemas nas articulações temporomandibulares, assimetrias faciais e alterações de desenvolvimento das estruturas da face e boca, já que 60% do crescimento de uma criança acontece antes dos 6 anos de idade.

Dra. Fernanda Youssef

Dentista - Ortopedia Funcional dos Maxilares - Odontologia Miofuncional

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
publicidade