Ir ao dentista vai doer bem menos após essa descoberta

Se você é um dos vários pacientes que morre de medo de dentista fique animado!

16 ago 2018
09h00

Chegou a hora de mudar o estigma da experiência com dentista ser parecida com uma sessão de tortura. Um time de pesquisadores e dentistas do Centro de Precisão para Medicina Dental da Universidade Colúmbia está trabalhando para alterar alguns procedimentos da odontologia.

Para isso a tecnologia é a maior parceira. Inicialmente um sistema de Identificação por Radiofrequência daria a possibilidade para o profissional medir o nível de estresse do paciente durante a consulta. Ainda investindo no monitoramento, câmeras são capazes de identificar se alguém está sentindo dor via reconhecimento facial.

Foto: Livre

 

Essas medições ajudarão o centro de estudos descobrir também detalhes sobre quais instrumentos incomodam mais e todo o ritual de limpeza dos mesmos. Com o tempo, a soma de todos esses dados farão com que a base tenha informação suficiente para guiar os procedimentos odontólogicos, dos mais simples aos mais complexos. E o melhor: essas informações são dadas por nós, o que coloca o paciente cada vez mais como protagonista na sala do dentista.

Fonte: FF

compartilhe

publicidade
publicidade