PUBLICIDADE
Logo do

Novidades

Hidratação injetável rejuvenesce lábios ressecados

3 mai 2013 07h15
| atualizado às 07h31
Publicidade

O friozinho já deu as caras e revistas de moda dão dicas das cores de batom que estarão nas ruas nesse outono/inverno. Mas, para poder desfilar as tendências por aí, é preciso cuidar dos lábios e evitar o ressecamento típico causado pelo clima mais frio.

A pele da boca é mais fina e, exposta ao vento, pode ficar desidratada e com rachaduras. A partir daí o problema só aumenta, pois quem resiste às pelinhas levantadas que pedem para ser arrancadas? Segundo o dermatologista Jardis Volpe, o perigo ocorre porque muitas vezes, ao arrancar a pele, o lábio sangra e fica instalada uma porta aberta para infecções. “O lábio também fica com linhas finas que dão um aspecto de envelhecimento”, afirma o especialista.

Se o tempo de prevenir passou e os lábios já estão ressecados, é possível hidratá-los no consultório. No entanto, a hidratação injetável é indicada para quem não tem fissura nos lábios. O médico aplica ácido hialurônico, que hidrata a derme e atenua rugas finas e as linhas aparentes, típicas de lábios ressecados. A pele não é preenchida, apenas hidratada. Volpe indica três aplicações com intervalos mensais e retornos a cada seis meses. “Funciona como um reservatório de água que vai hidratando os lábios e devolvendo o aspecto natural da pele”. 

Para prevenir
Quem tem mania de morder ou passar a língua frequentemente no lábio faz com que a saliva cause ainda mais ressecamento. “A saliva possui um pH ácido e, por isso, passar a língua nos lábios constantemente pode causar uma assadura - ou o que chamamos de dermatite perioral que é muito comum em crianças”, explica a dermatologista Vanessa Metz, da Academia Americana de Dermatologia (AAD).

A dupla ideal para se prevenir do problema é hidratante e protetor solar. Volpe ensina que o hidratante age melhor à noite, antes de dormir, pois fica na boca por mais tempo. “Eu, particularmente, não recomendo os hidratantes com ativos derivados do petróleo, pois percebi que, apesar da hidratação imediata, a pele resseca assim que o produto sai dos lábios, sempre prefiro a linha orgânica dos cosméticos, com vitamina A, vitamina E e óleos, como o de macadâmia”, indica.

E para quem não quer gastar muito com produtos específicos para hidratação labial, o dermatologista recomenda passar Bepantol. “Gosto muito do resultado do Bepantol, é só aplicar à noite, dormir e limpar pela manhã”, ensina o dermatologista. 

Após a hidratação noturna, é importante passar protetor solar. Os raios solares são o segundo maior causador de câncer bucal, atrás apenas do cigarro. E não pense que é preciso deixar a vaidade de lado ou comprar apenas batons com fator de proteção. “Você pode aplicar o hidratante primeiro e o batom por cima, ou pedir para seu dermatologista manipular um gloss para ser usado por cima do batom”, diz Volpe.

Fonte: Agência Beta Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
Fonte: Terra
Publicidade