PUBLICIDADE

Varizes são perigosas? Cirurgiã alerta para 4 fatores de risco

Saiba como cuidar do problema para que ele não evolua e provoque complicações. Em certos casos, varizes são perigosas sim

19 jan 2022 14h02
| atualizado às 15h26
ver comentários
Publicidade
Saiba como as varizes podem prejudicar a saúde
Saiba como as varizes podem prejudicar a saúde
Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

As varizes são aquelas veias dilatadas e tortuosas que se desenvolvem logo abaixo da camada da pele e, geralmente, ficam bem visíveis aos olhos. Apesar disso, em grande parte dos casos, elas não oferecem grandes riscos para a saúde física dos pacientes e seu incomodo tende a ser mais pela parte estética. No entanto, existem alguns cuidados necessários para evitar que elas evoluam e provoquem complicações mais sérias.

"As principais complicações das varizes surgem em função da falta de atenção à doença. Além da questão estética, ao menor indício dos sintomas mais comuns, que são dor, inchaço, sensação de peso e cansaço nas pernas, o paciente deve procurar imediatamente a ajuda de um médico para orientar o tratamento", explica a cirurgiã vascular e angiologista Dra. Aline Lamaita, membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular.

A especialista separou quatro riscos que as varizes podem gerar e como evitá-los. Confira:

Insuficiência venosa crônica - Mulheres com idade avançada, alto número de gestações, obesidade e histórico familiar são as principais vítimas desse problema. Além das varizes, os sintomas são: dor, coceira, formigamento, queimação, fadiga, cãibras musculares, inchaço e sensação de peso. Por isso, fique atento e, caso apresente algo semelhante, procure um médico.

Úlceras venosas - É a consequência de não cuidar corretamente da insuficiência venosa. "Após o tratamento, os cuidados e acompanhamento devem ser permanentes para evitar o retorno das úlceras", conta a Dra. Lamaita.

Dermatite ocre - Presença de manchas avermelhadas na pele. "A cor tem relação com o ferro contido nos glóbulos vermelhos, que se rompem, liberam hemoglobina e, por consequência, isso altera a coloração da pele da região", diz a médica.

Tromboflebite superficial - A famosa trombose. "Em casos mais raros, um pequeno coágulo pode se desprender e correr pela circulação até chegar ao pulmão, o que é chamado de embolia pulmonar e pode causar dor no peito, tosse, cansaço e falta inesperada de respiração. Em casos mais graves pode provocar a morte súbita", alerta a cirurgiã.

Por todos esses motivos, caso você tenha varizes pelo seu corpo, a recomendação é procurar auxílio especializado, para que seja feita uma verificação profissional. "Somente um médico especialista poderá avaliar a principal fonte desse problema. Muitas vezes temos uma veia nutrícia, uma espécie de veia mãe, que precisa ser identificada (por meio da tecnologia de realidade aumentada) e eliminada. Caso contrário, o tratamento não terá efetividade", finaliza a médica.

Saúde em Dia
Publicidade
Publicidade