PUBLICIDADE

Número de crianças obesas cai nos EUA; de mulheres aumenta

27 fev 2014 18h20
ver comentários
Publicidade
Taxa de obesidade entre mulheres com mais de 60 anos teve aumento de 6%
Taxa de obesidade entre mulheres com mais de 60 anos teve aumento de 6%
Foto: Getty Images

A obesidade ainda é um imenso problema nos Estados Unidos, mas parece que as taxas pararam de subir e mostraram alguma estabilização, de acordo com o Centor de Controle de Prevenção e Doenças dos Estados Unidos. Segundo um novo levantamento, que analisou 9 mil crianças e adultos entre 2011 e 2012 e comparou com estatísticas com as de 2003 e 2004, mais de 30% dos adultos e 17% das crianças são obesos atualmente, números que, se analisados de maneira geral, não mostram muitas mudanças, mas já não apresentam crescimento, como aconteceu em anos anteriores.

No entanto, se analisados divididos em faxia etária, as mulheres mais velhas estão cada dia pesando mais, enquanto o número de crianças acima do peso caiu. "Descobrimos que crianças com idades entre 2 e 5 anos tiveram uma significante redução nas taxas de obesidade", disse a especialista em obesidade infantil, Dra. Cynthia Ogden.

Segundo os especialistas, esta nova realidade se deve ao fato de diversas campanhas contra a epidemia do excesso de peso realizada nas pré-escolas e com os pais terem surtido efeitos positivos. Além disso, eles esperam que, à medida que estas crianças crescerem, elas mantenham hábitos mais saudáveis de vida e ajudem a reduzir os indíces em pesquisas futuras.

No outro extremo da escala, as mulheres com mais de 60 anos passaram de 32% de obesas em 2003 para 38% em 2012. Além disso, mais de 60% dos adultos são obesos ou estão muito acima do peso e 6% da população são considerados obesos mórbidos, quadro que não mudou muito desde o último levantamento.

"Obesidade é obviamente um problema multifatorial muito complexo. Genética está envolvida, produtos químicos nos alimentos também, assim como o ambeinte que nos encoraja a ser cada vez menos ativos", afirma a Dra. Ogden.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade